Geral

Coordenadoria investigará supostas relações sexuais nas UPPs

A Coordenadoria de Polícia Pacificadora e a Corregedoria da Polícia Militar vão investigar supostas relações sexuais que foram mantidas em diversas UPPs do Rio de Janeiro. Segundo reportagem do jornal Meia Hora, uma mesma mulher passava por essas unidades e fazia sexo com os PMs – sem cobrar nada deles. A reportagem afirma que a […]

Arquivo Publicado em 15/04/2014, às 22h52

None

A Coordenadoria de Polícia Pacificadora e a Corregedoria da Polícia Militar vão investigar supostas relações sexuais que foram mantidas em diversas UPPs do Rio de Janeiro. Segundo reportagem do jornal Meia Hora, uma mesma mulher passava por essas unidades e fazia sexo com os PMs – sem cobrar nada deles.

A reportagem afirma que a mulher manteria relação com até quatro homens ao mesmo tempo e imagens eram distribuídas pelo aplicativo Whatsapp, de troca de mensagens, com consentimento dela. A Coordenadoria não confirmou o caso, disse apenas que investiga.

Segundo o jornal, “Maria UPP”, como é chamada, pediria apenas dinheiro para o táxi e um lanche e já teria mantido relação com mais de mil PMs.

Jornal Midiamax