Geral

Constantes quedas de árvores no Centro deixam em alerta comerciantes da região

Os constantes registros de queda de árvores pelas ruas da área central de Campo Grande, deixam alarmados principalmente os comerciantes da área central, que se sentem ameaçados. O incidente desta quinta-feira (2), no qual um galho seco caiu e provocou danos em dois carros na Rua Rui Barbosa, serviu de alerta para quem mora ou […]

Arquivo Publicado em 02/10/2014, às 13h10

None
1419246847.jpg

Os constantes registros de queda de árvores pelas ruas da área central de Campo Grande, deixam alarmados principalmente os comerciantes da área central, que se sentem ameaçados.

O incidente desta quinta-feira (2), no qual um galho seco caiu e provocou danos em dois carros na Rua Rui Barbosa, serviu de alerta para quem mora ou tem comércio na região.

Este é o caso do comerciante Aparecido Cavalhieri, de 64 anos de idade, que tem uma lanchonete no trecho entre a Avenida Afonso Pena e a Barão do Rio Branco, disse que com os ventos e as chuvas dos últimos dias tem perdido o sono.

Bem na frente do estabelecimento está plantada uma espécie sibipiruna de aproximadamente 15 metros de altura e segundo ele vem gradativamente pendendo sobre o seu estabelecimento. Visivelmente o tronco da árvore está com parte comprometida.

Ele disse que já procurou a prefeitura, e que técnicos já estiveram no local. “Eles fizeram uma vistoria para mim superficial e disseram que não havia riscos. Mas com este caso que aconteceu na manhã desta quinta-feira voltei a ficar preocupado”, afirmou.

Providências

De acordo com nota da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Campo Grande, A pessoa que observar uma árvore que ela acredita que esteja em risco de cair, deve se dirigir à Central de Atendimento ao Cidadão, Na Rua Cândido Mariano esquina com Arthur Jorge, no horário das 8 às 16 horas, e solicitar vistoria.

Um técnico da Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano) irá ao local avaliar a árvore e, a partir do diagnóstico, decidir se a espécie necessita de poda, algum tratamento ou, se for o caso, ser retirada e substituída.



Jornal Midiamax