Geral

CineMIS Especial de Férias apresenta hoje “O céu de Suely”

A Fundação de Cultura do governo do Estado, por meio do Museu da Imagem e do Som, realiza a partir do dia 2 de janeiro o Programa CineMIS Especial de Férias, que irá promover até fevereiro a exibição gratuita de filmes nacionais de longa-metragem de seu próprio acervo. As sessões acontecem de segunda a sexta-feira, […]

Arquivo Publicado em 24/01/2014, às 12h43

None

A Fundação de Cultura do governo do Estado, por meio do Museu da Imagem e do Som, realiza a partir do dia 2 de janeiro o Programa CineMIS Especial de Férias, que irá promover até fevereiro a exibição gratuita de filmes nacionais de longa-metragem de seu próprio acervo. As sessões acontecem de segunda a sexta-feira, sempre às 14 horas.


A curadoria e a programação, com indicação etária por dia da semana, tem por objetivo melhorar a comunicação e a aproximação do público junto ao MIS. Foram cuidadosamente produzidas por Alexandre Sogabe, gestor de Artes e Cultura e Rodrigo Arce, acadêmico do curso de História (UFMS). A indicação etária está definida da seguinte forma: segunda (livre), terça (10 anos), quarta (12 anos), quinta (14 anos) e sexta (16 anos).


“O CineMIS Especial de Férias democratiza o acesso às produções audiovisuais nacionais, principalmente neste período do ano, quando grande parte da população tem mais disponibilidade de tempo e precisa de opções diferenciadas de lazer, entretenimento e cultura”, explica Américo Calheiros, presidente da Fundação de Cultura.


Os filmes que serão exibidos no Programa CineMIS Especial de Férias foram doados pela Ancine (Agência Nacional do Cinema) e compõem um panorama abrangente e diversificado da recente produção cinematográfica nacional, possibilitando certa reflexão sobre a identidade brasileira.


O Museu da Imagem e do Som tem por finalidade preservar os registros que compõem a memória audiovisual sul-mato-grossense, efetuando a salvaguarda dos bens culturais que formam a identidade cultural do Estado. O acervo do museu, formado a partir de doações particulares e institucionais, é composto por um rico material que contempla categorias como fotografia, vinil, CD, VHS, DVD, película, livro, catálogo e objeto.


Desde sua criação o MIS desenvolve ações museológicas no sentido de contribuir com a formação e a difusão de conhecimento e da cultura no Estado, oferecendo à comunidade uma programação diversificada que compreende palestras, oficinas, cursos, seminários, mostras de cinema e exposições.

Jornal Midiamax