Geral

Azambuja diz que escolha de Rose para chapa pura foi baseada em pesquisa

Depois de tantas especulações com DEM e SD sobre a escolha do vice do pré-candidato ao governo pelo PSDB, deputado federal Reinaldo Azambuja, o partido acabou compondo uma chapa pura com a escolha da vereadora Rose Modesto para o cargo. Apesar de não ter contemplado os aliados, o tucano disse que a escolha foi baseada […]

Arquivo Publicado em 26/06/2014, às 11h04

None
944894754.jpg

Depois de tantas especulações com DEM e SD sobre a escolha do vice do pré-candidato ao governo pelo PSDB, deputado federal Reinaldo Azambuja, o partido acabou compondo uma chapa pura com a escolha da vereadora Rose Modesto para o cargo.


Apesar de não ter contemplado os aliados, o tucano disse que a escolha foi baseada na pesquisa qualitativa feita pelo partido. “O nome foi escolhido com base na pesquisa qualitativa que mostrou o perfil de quem melhor se adequaria com o cargo”, afirmou Azambuja.


Quando decidiu disputar o governo do Estado, após proibição da aliança com PT em maio deste ano, cogitou-se do deputado estadual Zé Teixeira (DEM) ser o vice na chapa tucana. Depois, o indicativo mais forte foi do vereador Herculano Borges (SD) para contemplar o partido. Também especulou-se o também vereador Elizeu Dionizio, do SD. 


Na avaliação de Azambuja, Rose vai somar à sua candidatura por ela ser “competente, mulher e ligada aos movimentos sociais”. A oficialização da chapa de Azambuja e Rose será oficializada na sexta-feira (27) quando será realizada a convenção estadual do PSDB.


Para Azambuja será uma data duplamente significativa. Primeiro porque vai oficializar seu nome para disputar o governo do Estado e segundo pelo nascimento do segundo neto, Leonardo.




Jornal Midiamax