Geral

Ataque na Nigéria mata 15 pessoas

Quinze pessoas morreram e vinte ficaram feridas em um ataque contra a cidade de Kawuri, no nordeste da Nigéria, reduto do grupo radical islâmico Boko Haram, informaram testemunhas. “Contamos cerca de 15 corpos de vítimas ao final do ataque”, declarou Fantara Madugu, que testemunhou o ataque ocorrido no domingo na região de Konduga, localizada no […]

Arquivo Publicado em 27/01/2014, às 17h25

None

Quinze pessoas morreram e vinte ficaram feridas em um ataque contra a cidade de Kawuri, no nordeste da Nigéria, reduto do grupo radical islâmico Boko Haram, informaram testemunhas.

“Contamos cerca de 15 corpos de vítimas ao final do ataque”, declarou Fantara Madugu, que testemunhou o ataque ocorrido no domingo na região de Konduga, localizada no estado de Borno, 37 km ao sudeste de Maiduguri.

“Nós também ajudamos a transportar vinte feridos para o hospital”, acrescentou Madugu.

Outra testemunha, Isa Ibrahim, afirmou que homens armados entraram na cidade de Kawuri a bordo de veículos 4×4, dizendo ser comerciantes que gostariam de trabalhar no mercado central.

“Desconhecidos dos habitantes, os homens armados instalaram bombas de fabricação caseira em locais estratégicos da cidade antes de atacar a população”, relatou.

Várias casas e veículos foram queimados antes que os agressores fugissem, acrescentou.

A Polícia do estado de Borno confirmou os fatos, mas preferiu não fornecer um número exato da vítimas.

Kawuri foi atacada ontem (domingo) e há vários mortos e feridos”, limitou-se a dizer o delegado da Polícia, Lawan Tanko.

Ninguém reivindicou o ataque, que coincide com o modo de operação do Boko Haram em outras partes da região.

Borno é um dos três estados do nordeste da Nigéria em estado de emergência desde maio do ano passado, quando o Exército nigeriano lançou uma operação contra os insurgentes islâmicos.

A insurgência deixou milhares de vítimas desde sua eclosão, em 2009.

Jornal Midiamax