Geral

Após exoneração de servidora, MPE arquiva procedimento por nepotismo em Bandeirantes

A Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social da comarca de Bandeirantes arquivou o procedimento preparatório para apurar possível caso de nepotismo na prefeitura daquela cidade, informa publicação no Diário Oficial do Ministério Público de Mato Grosso do Sul desta terça-feira (7). Essa decisão foi tomada após a exoneração da servidora Geisilaine Antonia Pereira. […]

Arquivo Publicado em 07/01/2014, às 12h06

None

A Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social da comarca de Bandeirantes arquivou o procedimento preparatório para apurar possível caso de nepotismo na prefeitura daquela cidade, informa publicação no Diário Oficial do Ministério Público de Mato Grosso do Sul desta terça-feira (7).

Essa decisão foi tomada após a exoneração da servidora Geisilaine Antonia Pereira. “As diligências realizadas pelo órgão de execução foram suficientes para esclarecer e solucionar o objeto do presente procedimento administrativo, tendo sido constatado que a administração municipal atendeu a recomendação ministerial exonerando a servidora nomeada em situação irregular”, diz o texto.

A decisão pelo arquivamento foi homologada por unanimidade pelo Conselho Superior.

Jornal Midiamax