Geral

Após dois dias de falhas, Agetran diz que vai estudar problema em semáforos de Campo Grande

Pela manhã semáforos de diversos cruzamentos de Campo Grande têm apresentado problemas. Nesta terça-feira (2), os leitores do Jornal Midiamax avisaram que havia ao menos três no alerta, por meio do WhatsApp. Um dos semáforos é o do cruzamento da Avenida Afonso Pena com a Rua Rio Grande do Sul, no Jardim dos Estados, região central […]

Arquivo Publicado em 02/10/2014, às 10h49

None
2077514599.jpg

Pela manhã semáforos de diversos cruzamentos de Campo Grande têm apresentado problemas. Nesta terça-feira (2), os leitores do JornalMidiamax avisaram que havia ao menos três no alerta, por meio do WhatsApp.


Um dos semáforos é o do cruzamento da Avenida Afonso Pena com a Rua Rio Grande do Sul, no Jardim dos Estados, região central da Capital. Equipes da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) estão no local fazendo a orientação e tentando descobrir qual é a falha.


Motoristas também enfrentam problemas com equipamento de sinalização que está no alerta na ponte que liga o Jardim Zé Pereira a região do Bairro Santo Amaro, área oeste de Campo Grande. Outro local também prejudicado é o cruzamento da Rua Brilhante com a Rua Hermenegildo Pereira, na Vila Bandeira, região sudoeste.


A equipe do Jornal Midiamax entrou em contato com a Agetran que afirmou desconhecer as causas destes problemas, pois os locais estão sendo monitorados eletronicamente. “Estamos estudando para saber se isso ocorre por falta de energia ou outro problema”, explica o setor responsável.


Reclamações


Para reclamações e denúncias de problemas com semáforos a Agetran deixa disponível o telefone (67) 3314-3411.


WhatsApp: fale com os jornalistas do Jornal Midiamax


O leitor enviou as imagens ao WhatsApp da redação, no número (67) 9207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem diretamente com os jornalistas do JornalMidiamax. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total anonimato garantido pela lei.

Jornal Midiamax