Geral

Após decisão judicial, jovem com suspeita de H1N1 é transferida ao Rosa Pedrossian

Após uma decisão judicial, a jovem Pricylla Kelly de Oliveira Magalhães de 19 anos, que está com suspeita de estar com a gripe H1N1, foi transferida da UPA (Unidade de Pronto Atendimento), Universitário ao Hospital Regional o Rosa Pedrossian em Campo Grande. Josias Magalhães de 46 anos, pai da jovem conta que a filha chegou […]

Arquivo Publicado em 24/02/2014, às 23h55

None

Após uma decisão judicial, a jovem Pricylla Kelly de Oliveira Magalhães de 19 anos, que está com suspeita de estar com a gripe H1N1, foi transferida da UPA (Unidade de Pronto Atendimento), Universitário ao Hospital Regional o Rosa Pedrossian em Campo Grande.

Josias Magalhães de 46 anos, pai da jovem conta que a filha chegou neste momento, e está no setor de emergência do hospital. Desde a última quarta-feira (19), Kelly era levada a UPA, onde suspeitavam que a jovem estivesse com uma virose.

Após exames de sangue, foi detectado que Kelly poderia estar com o vírus H1N1, e por isso ela está internada desde a noite deste domingo (23), no UPA Universitário. Josias conta que hoje a filha fez uma radiografia de pulmão, que mostra que os órgãos estão comprometidos.

“Não tinha vaga na Santa Casa, Hospital Universitário e nem no Regional, o Samu chegou a informar que ela é a número oito numa prioridade de transferência”, disse.

A família então contratou um advogado, que entrou com um pedido judicial, para que a jovem possa ser transferida. “Esperamos que a decisão saia logo”, disse.

Jornal Midiamax