Geral

Setor de material de construção pretende investir mais

A intenção dos empresários da indústria de materiais de construção realizar investimentos ao longo dos próximos 12 meses apresentou uma leve melhora em março, segundo levantamento divulgado nesta quarta-feira pela Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat). Entre os empresários consultados pela pesquisa, 74% disseram ter planos de investir. O porcent...

Arquivo Publicado em 27/03/2013, às 11h10

None

A intenção dos empresários da indústria de materiais de construção realizar investimentos ao longo dos próximos 12 meses apresentou uma leve melhora em março, segundo levantamento divulgado nesta quarta-feira pela Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat). Entre os empresários consultados pela pesquisa, 74% disseram ter planos de investir. O porcentual é maior que os 73% de março de 2012 e igual ao porcentual de fevereiro deste ano.

Já o otimismo em relação às ações de incentivo para o setor de construção por parte do governo federal chegou a 31%, número bastante abaixo dos 54% na comparação anual, mas melhor que os 29% do mês passado.

O nível de utilização da capacidade instalada da indústria ficou em 82% em março, patamar estável nas duas bases de comparação.

Para 48% dos empresários consultados na pesquisa da Abramat, as vendas em março foram boas ou ótimas. Já a perspectiva para abril sinaliza um forte otimismo do setor, com 72% dos empresários contando com vendas boas ou ótimas.

O presidente da Abramat, Walter Cover, ressaltou em nota que a indústria de materiais mantém o otimismo para vendas e investimentos neste início de ano. “Esperamos crescer 4,5% em 2013, mas isso só ocorrerá se forem mantidos os incentivos ao consumo – crédito em particular – e se houver uma aceleração nos investimentos públicos e privados”, disse.

Jornal Midiamax