Geral

PMA autua pescador com 23 kg de pescado fora da medida em Corumbá

Policiais Militares Ambientais de Corumbá (MS) realizavam fiscalização no rio Paraguai, no distrito de Albuquerque, em Corumbá e foram acionados ontem à noite por Policiais Rodoviários Federais – PRF, em razão da abordagem de um veículo, onde havia pescado fora da medida permitida pela legislação. A PMA foi ao local, na BR 262, no posto […]

Arquivo Publicado em 29/03/2013, às 18h33

None

Policiais Militares Ambientais de Corumbá (MS) realizavam fiscalização no rio Paraguai, no distrito de Albuquerque, em Corumbá e foram acionados ontem à noite por Policiais Rodoviários Federais – PRF, em razão da abordagem de um veículo, onde havia pescado fora da medida permitida pela legislação.

A PMA foi ao local, na BR 262, no posto do ”Lampião Acesso” e verificou que eram 23 kg de pescado, das espécies dourado, pintado, cachara, palmito e piranha, sendo que todos os exemplares de espécies com restrições de medida previstas pela legislação estavam fora da medida permitida. Havia exemplar de dourado com 41 centímetros, quando a medida permitida é de 65 centímetros e pintado com 65 centímetros, quando a medida permitida é de 85 centímetros.

O pescador amador, de 31 anos, residente em Corumbá, havia capturado o pescado também acima da cota permitida que é de 10 kg mais um exemplar e cinco piranhas. O pescado e o veículo foram apreendidos.

O infrator recebeu voz de prisão e foi conduzido à delegacia de Polícia civil de Corumbá, juntamente com o material apreendido e foi autuado em flagrante por crime ambiental de pesca predatória e saiu após pagar fiança. Se condenado pelo crime ambiental poderá pegar pena de um a três anos de prisão. O pescador também foi multado administrativamente em R$ 1.202,00.

Jornal Midiamax