Geral

Pedágio da rodovia Ramão Gomes em Corumbá é retirado

O pedágio da rodovia Ramão Gomes, em Corumbá, que liga a área urbana da cidade à fronteira com a Bolívia foi retirado. A decisão foi tomada por meio do decreto nº 1.212, assinado em 1º de julho de 2013, revogando o decreto nº 121, de 15 de julho de 1996, que criou o serviço. O decreto […]

Arquivo Publicado em 02/07/2013, às 14h50

None

O pedágio da rodovia Ramão Gomes, em Corumbá, que liga a área urbana da cidade à fronteira com a Bolívia foi retirado. A decisão foi tomada por meio do decreto nº 1.212, assinado em 1º de julho de 2013, revogando o decreto nº 121, de 15 de julho de 1996, que criou o serviço.

O decreto já foi publicado no Diário Oficial do Município e se deve ao fato de que a Ramão Gomes, entre a rotatória do anel viário, até o Posto Esdras, na fronteira, que foi federalizada pelo Governo Federal, por meio do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT), a partir da implantação do anel viário na região, que faz parte da BR-262.

A rodovia, da rotatória do Centro de Educação Infantil Padre Ernesto Sassida (CAIC) até o Posto Esdras, era estadual. A implantação do pedágio ocorreu em 1996, 17 anos atrás, quando o Governo do Estado, por meio de convênio, passou a administração da Ramão Gomes para o Município. Agora, com a conclusão do último trecho da BR 262, ocorreu a federalização e o convênio com o estado acabou extinto.

Jornal Midiamax