Geral

Novo vazamento em Fukushima contamina 6 trabalhadores

Seis trabalhadores da usina nuclear de Fukushima foram expostos a um vazamento de água altamente radiativa nesta quarta-feira, no mais recente problema enfrentado pela planta que está paralisada. A agência nuclear japonesa atribuiu a contaminação ao descuido, dizendo que poderia ter sido evitada. A operadora Tokyo Electric Power Co, conhecida como Tepco, tem tido dificuldades […]

Arquivo Publicado em 09/10/2013, às 10h30

None

Seis trabalhadores da usina nuclear de Fukushima foram expostos a um vazamento de água altamente radiativa nesta quarta-feira, no mais recente problema enfrentado pela planta que está paralisada. A agência nuclear japonesa atribuiu a contaminação ao descuido, dizendo que poderia ter sido evitada.


A operadora Tokyo Electric Power Co, conhecida como Tepco, tem tido dificuldades para conter a água radiativa na usina, que sofreu danos graves em consequência de um terremoto devastador seguido de tsunami em março de 2011.


Nesse novo incidente, um funcionário soltou por engano um tubo que estava conectado a um sistema de tratamento para remover o sal das centenas de toneladas de água bombeada pela Tepco sobre o combustível fundido nos reatores de Fukushima para resfriá-los.


“É sério que seja outro problema causado por descuido, mas eu não acredito que seja uma dosagem seriamente preocupante”, disse Shunichi Tanaka, presidente da Autoridade Reguladora Nuclear do Japão, nesta quarta-feira.


“Mas, o fato de que tem havido uma série de incidentes que… poderiam ser evitados, acho que esse é o grande problema.”


Os acidentes na usina de Fukushima Daiichi, a 220 quilômetros a norte de Tóquio, estão contribuindo para uma crise que ninguém parece saber como conter, e aumentando as dúvidas sobre a capacidade da Tepco de realizar uma limpeza complexa do local, que deve levar décadas.

Jornal Midiamax