Geral

Mursi e colaboradores estão detidos sob poder dos militares

O presidente deposto do Egito, Mouhamed Mursi, está detido por militares no Clube da Guarda Presidencial Republicana, segundo integrantes da Irmandade Muçulmana, organização política que apoiava o regime. Mursi e assessores diretos foram detidos ontem (3) após a deposição do governo. “Mursi e sua equipe estão sob detenção no Clube da Guarda Presidencial Republicana”, disse […]

Arquivo Publicado em 04/07/2013, às 09h52

None

O presidente deposto do Egito, Mouhamed Mursi, está detido por militares no Clube da Guarda Presidencial Republicana, segundo integrantes da Irmandade Muçulmana, organização política que apoiava o regime. Mursi e assessores diretos foram detidos ontem (3) após a deposição do governo.


“Mursi e sua equipe estão sob detenção no Clube da Guarda Presidencial Republicana”, disse Gehad El Haddad, filho de Essam El Haddad, apontado como um dos principais colaboradores do presidente deposto e que também está detido.


Ontem (3), o chefe das Forças Armadas, general Abdel Fattah Sisi, anunciou que o presidente do Conselho Constitucional, Adly Mansour, assume a liderança do país. A Constituição foi suspensa e serão antecipadas eleições presidenciais. Mursi foi eleito há apenas um ano. Em maio, o presidente deposto visitou o Brasil.

Jornal Midiamax