Geral

Ministério do Trabalho fiscaliza Arena da Amazônia após morte de operário

Peritos do Ministério do Trabalho visitaram nesta terça-feira a Arena da Amazônia, em Manaus, depois da morte de um operário no último sábado, o que paralisou a construção. Em nota, o órgão disse que decidiu antecipar a visita que já estava prevista antes mesmo do acidente. “Com a morte do trabalhador, a área de perícia […]

Arquivo Publicado em 17/12/2013, às 21h55

None

Peritos do Ministério do Trabalho visitaram nesta terça-feira a Arena da Amazônia, em Manaus, depois da morte de um operário no último sábado, o que paralisou a construção. Em nota, o órgão disse que decidiu antecipar a visita que já estava prevista antes mesmo do acidente.

“Com a morte do trabalhador, a área de perícia foi aumentada”, afirmou em nota o Ministério do Trabalho.

Na última segunda-feira, um porta-voz do Ministério informou àAFP que depois de todas as inspeções será decidido se a obra poderá ser reiniciada.

No último sábado, Marcleudo de Melo Ferreira, de 22 anos, morreu depois de cair de 35 metros de altura. Ele foi a segunda vítima fatal das obras do estádio de Manaus.

Miguel Capobiango Neto, coordenador da empresa responsável pelo estádio, disse que o impacto do atraso da construção só poderá ser definido após a retomada das obras. Antes, a entrega da Arena da Amazônia para primeira prova estava prevista para segunda quinzena de janeiro.

Jornal Midiamax