Geral

Microsoft confirma negociação com Real para mudar nome do Santiago Bernabéu

A Microsoft confirmou nesta quarta-feira que está em negociações com o Real Madrid para adquirir o direito de renomear o estádio Santiago Bernabéu. “Nos ofereceram a possibilidade do estádio, bem como a outras empresas”, disse María Garaña, chefe da divisão espanhola da Microsoft. A diretora da empresa disse que a boa relação entre a Microsoft […]

Arquivo Publicado em 06/11/2013, às 16h34

None

A Microsoft confirmou nesta quarta-feira que está em negociações com o Real Madrid para adquirir o direito de renomear o estádio Santiago Bernabéu. “Nos ofereceram a possibilidade do estádio, bem como a outras empresas”, disse María Garaña, chefe da divisão espanhola da Microsoft.


A diretora da empresa disse que a boa relação entre a Microsoft e o Real Madrid, que são parceiros em projetos de educação esportiva e tecnológica em países da América Latina e do Caribe, está ajudando nas conversas. “Temos excelentes relações com o clube. Estão usando nossa tecnologia e isso nos dá muito orgulho”, disse María.


O Santiago Bernabéu tem projeto de reforma que deve começar em maio de 2014 e a venda dos naming rights ajudaria a pagar pela reestruturação. A decisão sobre o novo nome está prevista para ser definida ainda no primeiro semestre do ano que vem.


O estádio do Real Madrid leva o nome do ex-presidente do clube desde 1978, há 35 anos. A imprensa espanhola também ventila nomes como a empresa de aviação Emirates e a montadora Audi como possíveis candidatas a renomar o Santiago Bernabéu.


Ainda não há especulações sobre os valores envolvidos na negociação. Para efeito de comparação, o Arsenal, da Inglaterra, recebe 15 milhões de euros (R$ 45,6 milhões) por ano pelo Emirates Stadium, o Manchester City tem rendimentos na casa de 17 milhões de euros (R$ 51,6 milhões) com o naming right do seu estádio, enquanto o Bayern de Munique recebe 5,8 milhões de euros (R$ 17,6 milhões) por ano para batizar a Allianz Arena.

Jornal Midiamax