Geral

Mandela está em estado vegetativo; neto acusa família de adultério e oportunismo

A família do ex-presidente sul-africano Nelson Mandela pensa em desligar os aparelhos que o mantém vivo, segundo um documento judicial de 26 de junho divulgado pela agência “AFP”. O documento diz que Mandela está “em um estado vegetativo permanente”, e que “os médicos aconselharam a família a desligar os aparelhos que o mantém artificialmente em […]

Arquivo Publicado em 04/07/2013, às 15h35

None

A família do ex-presidente sul-africano Nelson Mandela pensa em desligar os aparelhos que o mantém vivo, segundo um documento judicial de 26 de junho divulgado pela agência “AFP”. O documento diz que Mandela está “em um estado vegetativo permanente”, e que “os médicos aconselharam a família a desligar os aparelhos que o mantém artificialmente em vida”


“A família Mandela tem pensado nesta opção”, diz o documento, apresentado na semana passada à Justiça pela família.


O documento é parte de uma ação judicial que questiona a exumação de três filhos de Mandela. A discussão é para decidir onde será enterrado o ex-presidente.


Há dois anos, Mandla Mandola, neto de Mandela, desenterrou os restos mortais de três filhos do líder negro da vila de Qunu, onde Mandela cresceu. Os três foram sepultados a 20 km de Qunu, em Mvezo, em um centro de visitantes e memorial construído por Mandla em memória de seu avô.


Na quarta-feira (3), a Justiça sul-africana ordenou que os restos mortais sejam levados de volta a Qunu, onde Mandela disse que deseja ser enterrado.

Jornal Midiamax