Geral

Jovem de Campo Grande é selecionado no Programa Jovens Embaixadores/2014

O estudante da Escola Estadual Arlindo de Andrade Gomes Rafael Ribeiro Polvere de 16 anos, é um dos 37 jovens brasileiros selecionados que viajarão para os Estados Unidos pelo Programa Jovens Embaixadores. O resultado da seleção foi divulgado na última quarta-feira (30) pela embaixada do Estados Unidos no Brasil. O Programa Jovens Embaixadores é uma […]

Arquivo Publicado em 04/11/2013, às 18h59

None
615887413.jpg

O estudante da Escola Estadual Arlindo de Andrade Gomes Rafael Ribeiro Polvere de 16 anos, é um dos 37 jovens brasileiros selecionados que viajarão para os Estados Unidos pelo Programa Jovens Embaixadores. O resultado da seleção foi divulgado na última quarta-feira (30) pela embaixada do Estados Unidos no Brasil.

O Programa Jovens Embaixadores é uma iniciativa de responsabilidade social da Embaixada dos Estados Unidos – em parceria com os setores público e privado em ambos os países – que beneficia, com uma viagem de três semanas nos Estados Unidos, estudantes brasileiros que são exemplos em sua comunidade – em termos de liderança comprovada, atitude positiva, consciência cidadã, excelência acadêmica e conhecimento da língua inglesa.

Filho de um segurança e de uma trabalhadora do lar e irmão de uma técnica em enfermagem, Rafael disse que conheceu o Jovens Embaixadores ao assistir o “Caldeirão do Huck” na televisão. Depois disso, ficou sabendo que a sua vizinha já havia sido jovem embaixadora e a partir daí buscou mais informações sobre o programa e viu que tinha o perfil necessário para participar da seleção.

Para participar é preciso ter entre 15 e 18 anos; ter boa fluência oral e escrita em inglês; ser estudante do ensino médio na rede pública; pertencer à camada socioeconômica menos favorecida; ter excelente desempenho escolar, perfil de liderança, iniciativa e boa desenvoltura oral; estar engajado por pelo menos um ano em atividades de responsabilidade social ou voluntariado.

O estudante revela que faz trabalho voluntário com crianças, onde atua como monitor de português, inglês e matemática. Além disso, Rafael diz que ajuda muito os seus amigos na escola com as matérias que os professores passam e com isso vários amigos fizeram festa quando souberam que ele havia sido selecionado para o programa.

“Quando vi meu nome no site do programa, eu não sabia o que fazer. Comecei a gritar, chorar e muitas pessoas me ligaram para me parabenizar. Meus pais ficaram bastante emocionados e estão super orgulhosos”, afirma Rafael.

O jovem embaixador de Mato Grosso do Sul já sabe que ficará no estado de Washington nos Estados Unidos, mas ainda não sabe a cidade e a família que irá recebê-lo em terras americanas.

“Essa será uma experiência a mais na minha vida. Aprenderei outra cultura e estarei sempre tentando compartilhar a cultura brasileira com as pessoas que eu conhecer nos Estados Unidos. Quero aproveitar e me dedicar ao máximo para trazer para a minha comunidade tudo o que eu aprender por lá, porque se não fosse o trabalho voluntário desenvolvido no meu bairro, eu não estaria tendo essa oportunidade”, comemora Rafael.

Jornal Midiamax