Um incêndio atingiu o auditório do Memorial da América Latina, na Barra Funda, zona oeste de São Paulo, na tarde desta sexta-feira, 29. Há pelo menos dois bombeiros feridos, um gravemente – eles teriam sido atingidos por partes do teto que desabaram. Ao menos 15 viaturas do Corpo de Bombeiros foram enviadas ao local, na Avenida Auro Soares de Moura Andrade. Os bombeiros afirmam que os hidrantes não estão funcionando. O presidente do Memorial, João Batista de Andrade, disse que o alvará de vistoria está em dia. Segundo Andrade, a abóboda do prédio, projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, escondeu o fogo, o que teria dificultado o início do combate às chamas.

O fogo teria começado às 13h30 no Auditório Simon Bolívar, que tem 1.800 lugares, onde há uma tapeçaria de Tomie Ohtake. Brigadistas do próprio Memorial tentaram controlá-lo, mas não conseguiram e acionaram os bombeiros. Os vidros das laterais do prédio foram quebrados por causa da alta temperatura. Ainda não se sabe as causas do incêndio.