Geral

Fernando de Noronha é refúgio de Michel Teló contra assédio

Michel Teló se define como um farofeiro de praia. “Sou daqueles que gosta de ficar o dia inteiro na areia, comer na praia, levar isopor, fazer a maior bagunça. Eu sou um apaixonado por praia, adoro praia, todas as férias que eu tenho eu sempre quero ir para uma curtir”, conta o cantor. “O que […]

Arquivo Publicado em 15/02/2013, às 14h48

None
1808319141.jpg

Michel Teló se define como um farofeiro de praia. “Sou daqueles que gosta de ficar o dia inteiro na areia, comer na praia, levar isopor, fazer a maior bagunça. Eu sou um apaixonado por praia, adoro praia, todas as férias que eu tenho eu sempre quero ir para uma curtir”, conta o cantor. “O que eu posso dizer? Eu gosto de ficar de farofeiro.”


Mas o programa muda de figura quando a ocasião é romântica e o passeio, a dois. Teló viajou com a namorada, a atriz Thaís Fersoza, a Noronha, um destino até então desconhecido para o casal. Teló voltou encantado com o que viu por lá. “Fui para passear um pouquinho e achei incrível”, contou o cantor. Foram apenas quatro dias de brecha na agenda corrida de shows e gravações, mas que valeram a pena.


E para ele, que costuma driblar paparazzi em qualquer programa particular, Noronha foi ideal também pela tranquilidade com que Teló pôde circular com a namorada, sem se preocupar com o assédio. “Normalmente praia é um lugar onde a gente tem pouca privacidade, mas lá não. É um lugar com toda a privacidade do mundo, então você vai tranquilo”, conta o cantor. “O mar é lindo, o lugar é inteiro lindo. Foi muito gostoso ir pra lá, recomendo muito.”


Teló contou que escolheu o destino da viagem pensando em relaxar, e aproveitou a curta estadia para mergulhar e explorar o fundo do mar. “Eu mergulhava sem parar com o snorkel. Horas, o dia todo. Não mergulho com cilindro porque uma vez machuquei o ouvido”, contou.


O visual de Noronha, segundo o cantor, é o grande atrativo da região. “Fiquei paralisado de tão bonito que aquele lugar é. Assistir ao por-do-sol no Morro Dois Irmãos é incrível, inesquecível”, conta Teló, sobre um dos cartões postais, em frente à Baía dos Porcos. “Já fui para algumas praias lindas do Brasil, mas fiquei muito feliz, fiquei maravilhado com o lugar.”


O cantor também elogiou a culinária local. “Fizemos um passeio de barco e comemos peixe fresco, que o pessoal pescou na hora, preparou e serviu ali mesmo. Muito bom!” Para Teló, Noronha é um destino de viagem que vale para todo tipo de turista. “Como a Thaís também não conhecia, a gente curtiu muito tudo que vimos. A gente tinha muita vontade de ir pra lá e deu tudo certo. Ir pra lá de casal é incrível, com turma de amigos é incrível também. É um lugar que dá para aproveitar demais de qualquer jeito, é um lugar realmente muito gostoso de visitar.”


Teló e Thaís se hospedaram na Pousada Maravilha, que tem porte de hotel cinco estrelas e uma capacidade bem pequena – apenas cinco bangalôs e três apartamentos. “É um lugar muito tranquilo e a gente foi pra lá pra isso mesmo, pra ficar de boa”, disse o cantor. Ele conta que Noronha também tem atrações para quem quer agito à noite, mas o casal preferiu curtir a dois. “Até tem lugar pra baladas, mas a gente não foi pra isso”, completou Teló.


Com energias recarregadas, Teló volta pra areia nesse início de ano, mas num clima bem diferente. “Vou gravar um DVD que vai ser só em praias. Vou gravar em Jurerê, em Angra, no Guarujá. Aí sim, vai ser uma baladinha sertaneja na areia.”

Jornal Midiamax