Geral

Ex-meia do Leeds assume homossexualidade e se aposenta aos 25 anos

O meia americano Robbie Rogers, que se aposentou do futebol em janeiro aos 25 anos, anunciou nesta sexta-feira ser homossexual. Em uma mensagem publicada em seu blog pessoal, Rogers – com passagens por Heerenveen, Columbus Crew e Leeds United – afirmou que sempre teve o apoio de colegas que sabiam “seu segredo”, mas que precisa […]

Arquivo Publicado em 15/02/2013, às 20h00

None
326221817.jpg

O meia americano Robbie Rogers, que se aposentou do futebol em janeiro aos 25 anos, anunciou nesta sexta-feira ser homossexual. Em uma mensagem publicada em seu blog pessoal, Rogers – com passagens por Heerenveen, Columbus Crew e Leeds United – afirmou que sempre teve o apoio de colegas que sabiam “seu segredo”, mas que precisa descobrir como será sua nova vida longe do esporte.

Rogers era jogador do Stevenage, da terceira divisão do Campeonato Inglês, quando decidiu encerrar a carreira – motivado, segundo ele, pela decisão de revelar sua opção sexual. O meia-atacante era ainda presença constante na seleção dos Estados Unidos, do Mundial Sub-20 de 2007, da Olimpíada de 2008 em Pequim e das edições 2009 e 2011 da Copa Ouro da Concacaf.

“Segredos podem causar muitos danos internos. As pessoas adoram pregar sobre honestidade, como a honestidade é simples. Tente explicar para alguém que você amou por 25 anos que você é gay. Tente se convencer que seu criador tem o mais maravilhoso propósito para você, ainda que você tenha sido criado de outra maneira”, disse Rogers, que foi além.

“Sempre pensei que poderia esconder este segredo. Futebol foi minha válvula de escape, meu propósito, minha identidade. Futebol escondeu minha alegria, me deu mais alegrias do que eu poderia imaginar. Sempre serei grato por minha carreira. Sempre irei me lembrar de Pequim, da MLS Cup, de muitos de meus colegas. Nunca me esquecerei dos amigos que fiz neste caminho e nos amigos que me deram apoio ao saberem do meu segredo. Agora é hora de sair, é hora de me descobrir longe do futebol”, completou.


Contratado pelo Heerenveen em 2006, aos 19 anos, como um futuro astro do futebol dos Estados Unidos, Robbie Rogers não explodiu na Holanda e voltou a seu país, acertando com o Columbus Crew. Pela equipe, conquistou a MLS Cup de 2008 e a MLS Supporter’s Shield em 2008 e 2009. Convocado à seleção dos EUA, foi indicado pelo técnico Jurgen Klinsmann para o Leeds United. Emprestado ao Stevenage, teve o contrato rescindido por mútuo acordo.

Jornal Midiamax