Geral

Em feriado de Finados tarifa social será R$ 0,10 mais cara do que em anos anteriores

Para facilitar as homenagens do Dia de Finados, os usuários do transporte coletivo de Campo Grande pagarão a tarifa diferencial social no valor de R$ 1,10, neste sábado (2). Apesar de ser 60% mais barato do que em dias comuns, o valor é R$ 0,10 maior do que do ano passado. O menor preço é […]

Arquivo Publicado em 31/10/2013, às 19h25

None

Para facilitar as homenagens do Dia de Finados, os usuários do transporte coletivo de Campo Grande pagarão a tarifa diferencial social no valor de R$ 1,10, neste sábado (2). Apesar de ser 60% mais barato do que em dias comuns, o valor é R$ 0,10 maior do que do ano passado.


O menor preço é determinado pelo decreto nº 12.154, de 20 de junho de 2013, assinado pelo prefeito Alcides Bernal (PP), que estabelece que em datas especiais o valor da passagem será de R$ 1,10 exclusivamente para pagamento com os cartões eletrônicos.


Em 2012, decreto semelhante foi estabelecido pelo ex-prefeito Nelson Trad Filho (PMDB), em 16 de fevereiro, porém no valor R$ 1,00. Na época da determinação, ainda não era obrigatório o uso do cartão eletrônico, porém a medida foi adota no Dia de Finados.


A aplicação da tarifa social também é concedia nos feriados do Dia do Trabalhador (1º de Maio); Dia das Mães (Segundo Domingo de Maio); Dia dos Pais (Segundo Domingo de Agosto); Aniversário da Cidade (26 de Agosto); Finados (02 de Novembro); Natal (25 de Dezembro); Ano Novo (1º de Janeiro).


A determinação é contrária à política que o prefeito vem adotando com relação ao valor integral da tarifa do transporte público. Em março deste ano, devido a pressões de manifestações populares em todo o Brasil, a tarifa foi reajustada, passando de R$ 2,85 para R$ 2,75. Na sexta-feira (25), Bernal anunciou uma redução de mais R$ 0,05 no preço da tarifa de transporte. O reajuste ainda aguarda votação da Câmara de Vereadores.

Jornal Midiamax