Geral

Ditadura é foco do ‘Cinema pela Verdade’ na UFMS

Produções nacionais e estrangeiras sobre a ditadura serão exibidas na segunda edição da Mostra Cinema pela Verdade. O projeto consiste na exibição de filmes e debates sobre a Ditadura Civil Militar (1964-1985) e se propõe a repensar aquele momento histórico, utilizando de ferramentas audiovisuais como instrumento de resgate da memória e, a partir disso, criar […]

Arquivo Publicado em 28/06/2013, às 22h15

None

Produções nacionais e estrangeiras sobre a ditadura serão exibidas na segunda edição da Mostra Cinema pela Verdade.

O projeto consiste na exibição de filmes e debates sobre a Ditadura Civil Militar (1964-1985) e se propõe a repensar aquele momento histórico, utilizando de ferramentas audiovisuais como instrumento de resgate da memória e, a partir disso, criar um espaço para a troca de conhecimento entre público e os debatedores.

Realizado pelo Instituto Cultura em Movimento-ICEM, em parceria com o Ministério da Justiça, o projeto foi contemplado pelo edital “Marcas da Memória”, da Comissão de Anistia e acontece simultaneamente em universidades das 27 unidades da federação.

Em Mato Grosso do Sul, a Mostra será realizada nos meses de julho e agosto, começando pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul-UFMS.

A primeira etapa do Cinema Pela Verdade acontece nos dias 2 e 3 de julho às 19 horas no Anfiteatro do LAC – Laboratório de Análises Clínicas da UFMS. No primeiro dia será exibido o filme Marighella, de Isa Grinspum Ferraz. No segundo, será a vez do argentino Infância Clandestina, de Benjamín Avila. As sessões são gratuitas e abertas a comunidade em geral.

Para Natália Moraes, coordenadora da Mostra no estado, “discutir sobre liberdade democrática é um tema muito propício no momento em que se realiza uma grande mobilização nacional por direitos sociais.”

Debatedores

Haverá debate após a exibições dos filmes. No dia 2, a discussão será encabeçada pelo historiador André Dioney Fonseca e pelo ator e dramaturgo Breno Moroni.

No dia 3, o debate será conduzido pelos historiadores Valmir Correa e Jorge Christian Fernandez.

Outras exibições

Nos dias 15 e 16 de julho a Mostra segue para Dourados. O Cinema pela Verdade será realizado na Universidade Federal da Grande Dourados-UFGD, onde serão exibidos os filmes No e Eu me lembro.

Mais informações

Contatos para entrevista com Natália Moraes (67) 9224-6189 / 8170-6572, coordenadora da Mostra Cinema pela Verdade em Mato Grosso do Sul.

Mais informações podem ser acessadas na página cinemadehorror.wordpress.com

SERVIÇO:

2 de julho, terça-feira

19h – Marighella, de Isa Grinspum Ferraz

Local: Anfiteatro do LAC- Laboratório de Análises Clínicas da UFMS

Endereço: Campus Universitário da UFMS

Debatedores: Historiador André Dioney Fonseca e ator Breno Moroni

3 de julho, quarta-feira

19h – Infância Clandestina, de Benjamín Avila

Local: Anfiteatro do LAC- Laboratório de Análises Clínicas da UFMS

Endereço: Campus Universitário da UFMS

Debatedores: Historiadores Valmir Correa e Jorge Christian Fernandez

Jornal Midiamax