Geral

Campanha de vacinação contra gripe começa no dia 15 de abril

Em MS, meta é imunizar 80% da 538,5 mil pessoas que integra grupo de risco

Arquivo Publicado em 26/03/2013, às 20h36

None

Em MS, meta é imunizar 80% da 538,5 mil pessoas que integra grupo de risco

A Campanha Nacional de Vacinação do Ministério da Saúde começa no dia 15 de abril, e tem como meta imunizar 538,5 mil pessoas contra a gripe em Mato Grosso do Sul.

O número representa a populaçao que integra o chamado grupo prioritário gestantes, idosos com mais de 60 anos, crianças entre 6 meses e 2 anos, profissionais de saúde, índios, população carcerária e doentes crônicos.

Neste ano, foram incluídas neste grupo mulheres em puerpério (período de até 45 dias após o parto). Outra mudança é para doentes crônicos: a vacina será oferecida em  qualquer posto de saúde, e não apenas no local em que o doente é tratado. Basta apresentar uma prescrição médica no ato da imunização.

Para o Estado, serão enviadas mais de 589 mil doses da vacina, com meta de imunizar 80% da população do Estado que integra os grupos e risco, estipulada pelo Ministério da Saúde.

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, reforçou hoje (26), durante lançamento da campanha, que a dose contém o vírus em sua forma inativa, mas que não há risco de uma pessoa contrair gripe em razão da imunização. O que pode ocorrer, segundo ele, é a pessoa tomar a vacina com o vírus em período de incubação no corpo e apresentar um quadro gripal logo em seguida.

A única restrição é para quem tem alergia severa a ovo.

Imunização

A vacina protege contra os seguintes subtipos de influenza: A (H1N1) ou gripe suína, A (H3N2) e B.

Quem pode tomar a vacina

Faz parte do chamado grupo de risco, para quem as doses são direcionadas: pessoas a partir dos 60 anos, crianças de seis meses a dois anos, indígenas, gestantes, mulheres no período de até 45 após o parto, pessoas privadas de liberdade, profissionais da saúde e doentes crônicos.

Os doentes crônicos precisam apresentar prescrição médica no ato da vacinação. Pacientes cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do SUS (Sistema Único de Saúde), deverão se dirigir aos postos em que estão cadastrados para receberem a vacina.

Jornal Midiamax