Geral

Britânico salta 27m, chega a 85km/h e vence prova de salto radical

A terceira etapa do circuito mundial de saltos de grande altura (Cliff Diving World Series) foi vencida neste sábado pelo britânico Gary Hunt. O evento reuniu acrobacias incríveis na ilha de São Miguel, no arquipélago dos Açores, em Portugal, com direito a saltos de 27 metros de altura e uma velocidade dos competidores no ar […]

Arquivo Publicado em 29/06/2013, às 17h37

None
1355916125.jpg

A terceira etapa do circuito mundial de saltos de grande altura (Cliff Diving World Series) foi vencida neste sábado pelo britânico Gary Hunt. O evento reuniu acrobacias incríveis na ilha de São Miguel, no arquipélago dos Açores, em Portugal, com direito a saltos de 27 metros de altura e uma velocidade dos competidores no ar de 85 km/h.


Ao todo, a competição reuniu 14 atletas saltando do paredão de rochas. Para conseguir a vitória, Gary Hunt superou o colombiano Orlando Duque, segundo lugar, e o mexicano Jonathan Paredes, terceiro colocado.


Os saltos do Cliff Diving, como é conhecido fora do Brasil, são avaliados com notas de 1 a 10 onde são analisados quesitos como: saída da plataforma, posição no ar e entrada na água. Cinco juízes distribuem as notas, e o vencedor é escolhido por meio do somatório dos pontos.


Com a vitória em Portugal, Gary Hunt chegou a 520 pontos no circuito mundial, na liderança. A segunda posição é do russo Artem Silchenko, com dez pontos a menos. A próxima etapa do torneio acontece no dia 28 de setembro, em Niterói, no Rio de Janeiro. Depois, a última etapa será disputada na Tailândia, no dia 26 de outubro.

Jornal Midiamax