Geral

Brasilândia oferecerá cursos gratuitos aos produtores rurais

Trabalhadores rurais agora terão uma oportunidade de se profissionalizar. O município de Brasilândia receberá em breve o Pronatec Campo, que oferecerá cursos gratuitos para os moradores rurais. A apresentação ocorreu na manhã desta terça-feira (20), no Anfiteatro Ramez Tebet, realizada pela Assistente Técnica do MDA (Ministério do Desenvolvimento Agrário), Vanessa Correia da Sil...

Arquivo Publicado em 20/02/2013, às 13h48

None

Trabalhadores rurais agora terão uma oportunidade de se profissionalizar. O município de Brasilândia receberá em breve o Pronatec Campo, que oferecerá cursos gratuitos para os moradores rurais. A apresentação ocorreu na manhã desta terça-feira (20), no Anfiteatro Ramez Tebet, realizada pela Assistente Técnica do MDA (Ministério do Desenvolvimento Agrário), Vanessa Correia da Silva e o Engenheiro Agrônomo Marco Antônio.


O evento contou com a presença dos Secretários Municipais de Desenvolvimento Econômico e Agricultura, José Carlos Menegassi; de Administração Waldemar Firmino de Campos; de Assistência Social, Eliane Lopes Leite; o representante da Agraer, Edson Okamato; do presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais João Brito; e de presidentes das associações de produtores dos Assentamentos Mutum, Santana, Pedra Bonita, Esperança entre outros.


De acordo com a assistente técnica, o objetivo do Pronatec é expandir para o campo a oferta de educação profissional, visando a inclusão social e produtiva. . Em Brasilândia, os cursos serão oferecidos em parceria com o Senar.


CURSOS


Os cursos são para Bovinocultor de leite (30 vagas), Horticultor orgânico (15), Produtor produtos apícolas (15).


Bovinocultor de Leite terá a principal finalidade de gerenciar a atividade produtiva leiteira, com carga horária de 200 horas. É necessário que o trabalhador tenha escolaridade mínima do Ensino Fundamental Completo.


O Horticultor Orgânico executa o tratamento do solo e conta com carga horária de 160 horas. É necessário que o interessado tenha escolaridade no mínimo Fundamental I Incompleto (até 4ª série /5º ano).


O Produtor de Produtos Apícolas processa, armazena e comercializa produtos apícolas (mel, pólen, própolis, geléia real e cera). A carga horária é de 160 horas com escolaridade mínima de Ensino Fundamental II Incompleto (até 8ª série /9º ano).


PRÉ-MATRÍCULA


É importante lembrar que o aluno que tiver o CPF cadastrado no sistema e não fizer o curso, fica impossibilitado por 2 anos de realizar novos cursos. Também é necessário obter a DAV ou RB. Para ter o acesso ao Pronaf Jovem, será necessário a conclusão do curso Pronatec Campo.


A Data para entrega das pré-matrículas é até o dia 15 de março de 2013. Os interessados deverão procurar a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico para realizar a pré-inscrição e para obter mais informações com os presidentes das respectivas associações.


Após a organização das turmas, serão definidos os dias e os horários das aulas com a representante do Senar.


PRONATEC


O Pronatec é uma ação promovida pelo Ministério da Educação em parceria com MDA, na qual desenvolveram o PRONACAMPO que prevê a oferta gratuita de cursos de formação inicial e continuada ou qualificação para trabalhadores e educação profissional técnica de nível médio para estudantes. O público alvo será: Agricultor familiar, povos e comunidades tradicionais e da Reforma agrária (assentados e acampados). A ação também conta com o apoio do Governo Municipal de Brasilândia.

Jornal Midiamax