Geral

Banco Mundial anuncia apoio para compra de milhões de vacinas

O Banco Mundial anunciou, esta terça-feira, a angariação de US$ 700 milhões através de uma emissão de obrigações para ajudar a financiar programas de vacinação que são apoiados pela Aliança Gavi. Em comunicado, o órgão disse que milhões de crianças dos considerados países mais pobres do mundo devem beneficiar de vacinas contra as formas mais […]

Arquivo Publicado em 02/07/2013, às 18h44

None
118213973.jpg

O Banco Mundial anunciou, esta terça-feira, a angariação de US$ 700 milhões através de uma emissão de obrigações para ajudar a financiar programas de vacinação que são apoiados pela Aliança Gavi.


Em comunicado, o órgão disse que milhões de crianças dos considerados países mais pobres do mundo devem beneficiar de vacinas contra as formas mais graves da pneumonia e da diarreia. As doenças são tidas como as maiores causas de morte de menores de cinco anos.


Fundos


De acordo com o Banco Mundial, os fundos também vão custear a vacina ambivalente 5 em 1 que protege contra a difteria, o tétano, a tosse convulsa, a bactéria haemophilus influenza tipo b e a hepatite B. Os montantes devem financiar os trabalhos de gestão da Gavi nos sistemas de saúde dos países além da compra de vacinas.


A transação foi feita através do Mecanismo de Financiamento Internacional para a Imunização, IFFIm. Os compradores foram bancos e investidores institucionais de África, América Latina, Europa, Estados Unidos e Médio Oriente.


Pobreza Extrema


O presidente do Banco Mundial, Jim Yong Kim, disse que um financiamento previsível e de longo prazo vai ajudar a garantir o acesso das crianças mais vulneráveis do mundo aos cuidados de saúde. A medida é tida como um passo fundamental para alcançar o objetivo de acabar com a extrema pobreza até 2030.


Desde a fundação da Gavi em 2000, a entidade apoiou a vacinação de 370 milhões de crianças, prevenindo 5,5 milhões de mortes prematuras.

Jornal Midiamax