Geral

Autor de disparos em aeroporto continua em estado grave

O jovem Paul Ciancia, de 23 anos, autor dos disparos registrados ontem no Aeroporto Internacional de Los Angeles, permanece internado em estado grave, segundo fontes médicas. Os disparos ocorreram no Terminal 3 do aeroporto e mataram um agente de segurança, além de deixar outras sete pessoas feridas. A vítima foi identificada como Gerardo Hernandez, de […]

Arquivo Publicado em 02/11/2013, às 15h47

None

O jovem Paul Ciancia, de 23 anos, autor dos disparos registrados ontem no Aeroporto Internacional de Los Angeles, permanece internado em estado grave, segundo fontes médicas. Os disparos ocorreram no Terminal 3 do aeroporto e mataram um agente de segurança, além de deixar outras sete pessoas feridas.


A vítima foi identificada como Gerardo Hernandez, de 39 anos. Em um primeiro momento, o autor do ataque foi dado como morto, após ser atingido no tórax por um disparo feito por um policial.


No entanto, o jovem sobreviveu e foi internado em condições graves.


Segundo a imprensa norte-americana, antes de iniciar o ataque, Ciancia teria enviado uma mensagem à família dizendo que pretendia cometer suicídio. Os jornais também dizem que a polícia encontrou bilhetes junto com o atirador, nos quais ele manifestava raiva contra o governo dos Estados Unidos e denunciava violação de direitos humanos pela Agência de Segurança dos Transportes (TSA).


Ele teria feito ao menos 150 disparos dentro do terminal do aeroporto com um fuzil semi-automático. Maratona – Devido ao ataque de ontem e ao atentado contra a Maratona de Boston no último dia 15 de abril, a polícia norte-americana resolveu reforçar a segurança para a Maratona de Nova York, a ser disputada neste domingo. Os agentes usarão cães treinados, helicópteros e câmeras durante a prova.

Jornal Midiamax