Geral

Atrasos de voo da Gol já afetam passageiros no aeroporto internacional de Campo Grande

Um voo marcado para as 18h deste domingo está com previsão de saída as 20h. A companhia informou por meio de nota os voos registram atrasos devido aos reflexos das fortes chuvas da quinta-feira (5) e da sexta-feira (6).

Arquivo Publicado em 08/12/2013, às 19h47

None
1831110363.jpg

Um voo marcado para as 18h deste domingo está com previsão de saída as 20h. A companhia informou por meio de nota os voos registram atrasos devido aos reflexos das fortes chuvas da quinta-feira (5) e da sexta-feira (6).

Os atrasos nos voos da empresa aérea Gol devem continuar em todo o Brasil ao longo deste domingo (8). O problema já afeta passageiros do aeroporto internacional de Campo Grande desde sábado (7), quando os trasos foram mais intensos. Um voo marcado para as 18h deste domingo está com previsão de saída as 20h. A companhia informou por meio de nota que 25% dos voos registram atrasos devido aos reflexos das fortes chuvas da quinta-feira (5) e da sexta-feira (6).

Informações dos funcionários em Campo Grande dão conta de que o dia de maiores atrasos foi o sábado (7), mas que no domingo já começou a normalizar, com exceção do voo das 18h, que está previsto para as 20h.

Claudinei Lacerda, 33, é passageiro do voo. Ele e mais dois funcionários tem passagens compradas com destino a Curitiba, no Paraná. “Nós íamos pegar o voo das 18h. Já no check in o bilhete foi emitido com 32 minutos de atraso. Vimos a questão dos atrasos em todo país, mas como já tínhamos comprado a passagem. O problema é esperar, porque já viemos de ônibus de Corumbá”, declarou.

Apenas os guichês da Gol não estavam funcionando quando a reportagem esteve no aeroporto. Apesar disso os funcionários estavam no local, para fazer check in dos passageiros.

Brasil

A Gol está com atrasos em voo em todo o Brasil. A empresa responderá à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) sobre a autuação recebida ontem (7) por falhas na assistência aos passageiros com voos em atraso. A agência reguladora pode aplicar multa de até R$ 10 mil. No Aeroporto Internacional Presidente Juscelino Kubitschek, na capital federal, a fila no guichê da Gol pela manhã chegava até a área externa do terminal e os passageiros esperavam de uma hora e meia a duas horas para fazer o check-in.

De acordo com boletim divulgado pela Infraero às 12h, a companhia aérea responde por 65 do total de 81 voos atrasados no período, o equivalente a 80,2%.

Segundo a Gol, a empresa responde pela maior parte dos voos domésticos do país. O boletim da Infraero informa que, até as 12h, 291 voos da companhia estavam previstos. Levando-se em conta este número, o percentual de atraso chega a 22,3%. A TAM, segunda empresa com maior número de voos, tinha 240 decolagens previstas no período, sendo que nove estavam em atraso (3,8%).

Jornal Midiamax