Pelo menos 20 pessoas morreram neste sábado, entre elas sete civis, incluindo crianças, em um ataque aéreo do exército da Síria na cidade de Al Bab, na província de Aleppo, no norte do país, segundo o Observatório de Direitos Humanos.

Esta ONG, com sede em Londres e que tem uma ampla rede de ativistas no país árabe em locais de conflito, acrescentou que helicópteros militares lançaram barris de explosivos na cidade.

Já em Aleppo houve hoje conforntos entre as forças governamentais e insurgentes no bairro de Al Khalediya.

Vários projéteis caíram nas imediações da mesquita de Nour Shuhada (luz dos mártires) na região de Shaar, mas ninguém se feriu.

Segundo a ONG síria, as forças armadas bombardearam, além disso, bairros da cidade de Kueires, próxima a Aleppo, perto de uma academia militar.

Nas últimas semanas, os combates entre as forças governamentais e rebeldes se intensificaram na cidade de Aleppo e suas imediações, onde o regime tenta recuperar posições.