Geral

Antes de Leilão da Resistência, Kátia Abreu diz que Funai é ‘falida, retrograda e atrasada’

A senadora pelo estado do Tocantins e presidente da CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil) Kátia Abreu (PMDB) esteve na manhã desse sábado na Famasul (Federação da Agricultura e Agropecuário de Mato Grosso do Sul) conversando com a imprensa. A senadora defende uma reestruturação na Funai, que segundo a mesma é.  “Uma entidade […]

Arquivo Publicado em 07/12/2013, às 16h43

None

A senadora pelo estado do Tocantins e presidente da CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil) Kátia Abreu (PMDB) esteve na manhã desse sábado na Famasul (Federação da Agricultura e Agropecuário de Mato Grosso do Sul) conversando com a imprensa. A senadora defende uma reestruturação na Funai, que segundo a mesma é.  “Uma entidade falida, retrograda e atrasada”.


A senadora veio para Campo Grande para participar do ‘Leilão da Resistência’ promovido por pecuaristas de Mato Grosso do Sul para arrecadar recursos para ações contra retomadas de áreas indígenas. A senadora ainda completou que “A Funai faz um feudo nas aldeias para não perder o poder”.


Kátia Abreu afirmou que o fato de o Leilão da Resistência’ acontecer é uma vitória para a classe produtora do Estado. “Não foi à justiça quem suspendeu (o leilão), mas foi uma juíza quem tomou a decisão”, falou.


Como presidente da CNA, Kátia confirmou que a entidade irá representar na justiça por parcialidade contra a juíza da 2ª Vara Federal de Campo Grande, Janete Lima Miguel, que tentou cancelar o leilão. Por que, segundo a senadora, a juíza se baseou em informações não verdadeira passadas pela imprensa de que os produtores estariam realizando esse leilão para a formação de uma “milícia” contra a população indígena.


Ela ainda disse que a CNA irá contratar a ONG ‘Contas Abertas’ para mapear os recursos repassados as ONGs que estão a favor da causa indígena no Estado. “Existem ONGs por trás desses movimentos de invasão que usam a população indígena como massa de manobra”, afirmou.


Após a coletiva a senadora ira participar do ‘Leilão da Resistência’ marcado para este sábado (07), a partir da 14 horas, na sede da Acrissul (Associação de Criadores de Mato Grosso do Sul).


Tem presença confirmada no local senador Moka (PMDB), O deputado federal Reinaldo Azambuja (PSDB), a deputada estadual Mara Caserio (PTdoB),  deputado estadual Zé Teixeira (DEM), o deputado federal Mandetta (DEM) ,  do deputado federal pelo estado de Goias, Ronaldo Caiado (Democratas) e a Senadora Kátia Abreu.

Jornal Midiamax