Geral

Adolescente brinca de assalto e é morto a tiros por mulher na zona norte de SP

Um adolescente morreu baleado após brincar de assalto na zona norte de São Paulo. O jovem, de 14 anos, abordou uma motorista na rua e ela atirou. Ele foi morto com um único tiro no peito. O caso aconteceu na madrugada da última sexta-feira (4) em Pirituba, na zona norte da capital paulista. Chovia muito […]

Arquivo Publicado em 08/10/2013, às 12h51

None

Um adolescente morreu baleado após brincar de assalto na zona norte de São Paulo. O jovem, de 14 anos, abordou uma motorista na rua e ela atirou.

Ele foi morto com um único tiro no peito. O caso aconteceu na madrugada da última sexta-feira (4) em Pirituba, na zona norte da capital paulista. Chovia muito na hora do crime.

Segundo a polícia, o garoto estava em um ponto de ônibus com amigos. Eles voltavam de uma festa e pegariam o coletivo para voltar para casa. O adolescente não estava armado, mas resolveu simular um assalto. O jovem foi até o meio da rua como se tentasse parar um carro.

Nesse momento, uma mulher, que estava sozinha em um carro, passou pela rua. De dentro do veículo, ela disparou duas vezes. Os tiros perfuraram o vidro do automóvel. Um deles atingiu o peito do adolescente.

Os amigos voltaram ao local do crime acompanhados da polícia. Eles refizeram os passos da vítima, mas não souberam informar a placa do carro da atiradora porque tudo foi muito rápido.

A polícia ainda não tem pistas sobre a mulher que matou o adolescente. No entanto, um detalhe despertou a curiosidade: a precisão dela para atirar de dentro do carro, sem parar, com chuva e, ainda sim, acertar o peito do garoto, que também estava em movimento quando se aproximou.

O adolescente foi velado e sepultado neste fim de semana em Embu das Artes, na Grande São Paulo.

Jornal Midiamax