Geral

Vale diz que não está com problemas de estocagem

Em matéria publicada nesta sexta-feira (20) no jornal Correio do Estado, a Vale nega que esteja com problemas de estocagem. Segundo a empresa, em nota oficial, a capacidade de armazenamento do porto Gregório Curvo é de 650 mil toneladas de minério e atualmente, cerca de 500 mil toneladas estariam estocadas. “Portanto longe da capacidade máxima […]

Arquivo Publicado em 20/01/2012, às 13h07

None

Em matéria publicada nesta sexta-feira (20) no jornal Correio do Estado, a Vale nega que esteja com problemas de estocagem. Segundo a empresa, em nota oficial, a capacidade de armazenamento do porto Gregório Curvo é de 650 mil toneladas de minério e atualmente, cerca de 500 mil toneladas estariam estocadas. “Portanto longe da capacidade máxima do terminal”, ressalta a nota.


A Vale ainda alega que, em caso de adversidades, existe a opção de armazenar os minérios produzidos em áreas dentro de suas próprias minas. A empresa acrescenta que a baixa do Rio Paraguai é considerada em seu planejamento.


Ontem (19), a mesma publicação noticiou que devido a navegação comercial no Rio Paraguai estar paralisada desde novembro de 2011, a Vale, que extrai o maior volume de minério de ferro e manganês das reservas de Urucum, não teria mais espaços físicos para estocar material.


(Com informaçoes do Correio do Estado)

Jornal Midiamax