Geral

Três Lagoas: família é despejada após morar 14 anos em residência

Uma família foi despejada de sua residência localizada no bairro Vila Alegre em Três Lagoas na tarde desta quinta-feira (06). Um oficial de justiça foi enviado ao local escoltado de Policias Militares para realizar o despejo da família que reside no local há mais de 14 anos. Os moradores da residência estavam desolados, um senhor […]

Arquivo Publicado em 07/12/2012, às 20h22

None
995179508.jpg

Uma família foi despejada de sua residência localizada no bairro Vila Alegre em Três Lagoas na tarde desta quinta-feira (06).



Um oficial de justiça foi enviado ao local escoltado de Policias Militares para realizar o despejo da família que reside no local há mais de 14 anos.



Os moradores da residência estavam desolados, um senhor de 84 anos,duas mulheres e uma criança de 3 anos ficaram na rua, vendo a casa em que moraram mais de 10 anos sendo destruída por um trator.



Os pertences da família foram jogados de qualquer forma em um terreno desocupado ao lado. Segundo uma das moradoras “O oficial de justiça chegou aqui e nos colocou para fora da casa, bem como nossos pertences. Eles até trouxeram um trator para derrubar a residência. Foi um grande desespero ver minha filha, uma criança de três anos, chorando e gritando, assustada com toda a situação”, disse.



Motivo do despejo



Segundo a mãe da família, que estava transtornada, a ordem judicial se deu por conta do atraso do aluguel.



“Passamos por uma situação bem difícil e estamos há algum tempo sem pagar o aluguel, mas tentávamos uma negociação com o dono casa.



Chegamos até pedir um pouco mais de tempo para tentarmos encontrar outro lugar, mas hoje, ele veio aqui e mandou que tudo fosse destruído, acabando com a minha vida. Não temos parentes na cidade,estamos sozinhos” completou ela.



Os vizinhos revoltados com a situação ajudaram da forma que foi possível oferecendo alimentação e um pouco de amparo.



Diante da decisão judicial, a família saiu da casa, levando seus móveis e esperam num abrigo o desenrolar da situação.


Jornal Midiamax