Geral

Tetila volta a cobrar posto da Funai em Dourados

O deputado estadual Laerte Tetila (PT) solicitou que a presidência nacional da Funai construa um novo prédio para abrigar o posto da Fundação na Reserva Indígena de Dourados. O pedido já havia sido feito anteriormente e o deputado voltou a cobrar porque ainda não houve resposta quanto ao pedido feito antes. “É um prédio de […]

Arquivo Publicado em 13/09/2012, às 22h48

None

O deputado estadual Laerte Tetila (PT) solicitou que a presidência nacional da Funai construa um novo prédio para abrigar o posto da Fundação na Reserva Indígena de Dourados. O pedido já havia sido feito anteriormente e o deputado voltou a cobrar porque ainda não houve resposta quanto ao pedido feito antes.

“É um prédio de 1978 que já está todo deteriorado e que já não atende mais a demanda atual da Reserva, além de estar todo cheio de problemas estruturais”, salientou, da tribuna da Assembleia Legislativa, o deputado.

Para se ter uma ideia do que Tetila defende, é preciso lembrar que, em 1978, a população Indígena não passava de dois mil habitantes em Dourados e, por isso, o posto inaugurado naquela época era suficiente. Hoje, 35 anos depois, o contingente populacional chega a15 mil índios, um crescimento de 650%.

E se a média de crescimento populacional for mantida, em 2022 serão 18 mil índios na Reserva de Dourados. “Esse posto existente já está ultrapassado e a Funai precisa rever esse ponto para atender com qualidade esse moradores. Ali são emitidos documentos, atestados, feitos serviços técnicos. Do jeito que está fica ruim para a população e para os servidores”, afirmou o deputado.

Jornal Midiamax