Geral

Taxista e passageiro são detidos por tentar transportar canários peruanos na BR-262

O traficante informou que recebeu as gaiolas de um indivíduo conhecido por baiano que conheceu no ponto de Táxi da Fronteira Brasil - Bolívia

Arquivo Publicado em 30/08/2012, às 12h28

None
1426045073.bmp

O traficante informou que recebeu as gaiolas de um indivíduo conhecido por baiano que conheceu no ponto de Táxi da Fronteira Brasil – Bolívia

Durante bloqueio policial realizado na manhã desta quarta-feira, 29 de agosto, policiais militares ambientais apreenderam um homem, taxista que estava tentando transportar 18 (dezoito) gaiolas acondicionando aproximadamente 638 (seiscentos e trinta e oito) pássaros possivelmente canários peruanos.


O traficante informou que recebeu as gaiolas de um indivíduo conhecido por baiano que conheceu no ponto de Táxi da Fronteira Brasil – Bolívia e levaria os animais para Campo Grande (MS) e entregaria para o próprio (baiano). Ele afirmou ainda que ganharia R$ 1.000,00 pelo transporte e pagaria R$ 200,00 uma pessoa que o acompanhava.


A apreensão aconteceu na BR 262 em frente ao 2º Pelotão de Policia Militar Ambiental, por volta das 05h00. Os pássaros estavam no interior do veículo Meriva de Placas HTP 0950 (TAXI) no porta-malas e no banco traseiro e foram descobertos após revistas.


Diante dos fatos foi dado voz de prisão ao taxista e ao passageiro em Corumbá (MS), residentes que foram conduzidos à delegacia de Polícia Civil de Miranda, onde foram autuados por crime ambiental. Se condenados poderão pegar pena de 3 meses a 1 ano de detenção.


Foi lavrado também pela PMA, auto de infração e aplicada multa no valor de R$ 500,00 (quinhentos reais) por indivíduo apreendido, totalizando o valor de R$ 319.000,00 (trezentos e dezenove mil reais) contra o condutor que assumiu o crime. As aves estão sendo encaminhadas para Centro de Reabilitação de Animais Silvestres – CRAS em Campo Grande – MS.

Jornal Midiamax