Geral

Som da Concha retorna neste domingo com Jennifer Magnética e Retorno Comum

Os timbres e a pegada do rock das bandas Retorno Comum e Jennifer Magnética reabrem o projeto Som da Concha no próximo domingo (29). Os shows começam às 18h30, com entrada franca, na Concha Acústica Helena Meirelles, localizada no Parque das Nações Indígenas. Criado em Ponta Porã em 2010, o Retorno Comum iniciou sua trajetória […]

Arquivo Publicado em 23/01/2012, às 16h28

None

Os timbres e a pegada do rock das bandas Retorno Comum e Jennifer Magnética reabrem o projeto Som da Concha no próximo domingo (29). Os shows começam às 18h30, com entrada franca, na Concha Acústica Helena Meirelles, localizada no Parque das Nações Indígenas.


Criado em Ponta Porã em 2010, o Retorno Comum iniciou sua trajetória com um show em Dourados. Após vários encontros e reencontros dos integrantes, o grupo estabeleceu a formação atual: Marlon Monteiro na voz e violão; Skeeter na guitarra; Maicon Augusto no baixo; Carlos Oliveira na guitarra e Jhoy na bateria.


A gravação de “Um pouco de todos nós”, primeira música de trabalho do grupo, iniciou uma nova fase. A composição ficou entre as mais tocadas nas rádios de Ponta Porã.


Recentemente a banda participou do Festival da Primavera, do festival Som da Fronteira e de shows em entidades filantrópicas em Ponta Porã, além de casas noturnas em toda a região da fronteira Brasil Paraguai.


Abusando do indie-rock que navega entre diferentes influências, Jennifer Magnética é formada por Diogo Zarate (bateria), Jean Stringheta (guitarra) e Rodrigo Faleiros (baixo). O som cheio de virtuosismo é a marca do trio nascido em Campo Grande.


Com três álbuns gravados, Jennifer Magnética apresenta maturidade musical para apostar cada vez mais em arranjos enérgicos. “O Verdadeiro Underground”, última gravação da banda, recebeu recursos do Fundo Municipal de Incentivo à Cultura (FMIC). Os discos anteriores são “Placenta”, de 2007 e o EP “Licopeno”, de 2008.
Som da Concha


O projeto é uma realização da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, que prevê apresentação de shows em domingos alternados.


Em cinco anos de existência o Som da Concha contou com a participação de 168 atrações e público superior a 54 mil pessoas. O palco da Concha Acústica recebeu cerca de 900 músicos em todos estes anos, fortalecendo a música produzida em Mato Grosso do Sul.  


A Concha Acústica Helena Meirelles fica no Parque das Nações Indígenas, na Rua Antonio Maria Coelho, nº 6000. Outras informações pelo telefone (67) 3314-2031. A entrada para os shows é franca.

Jornal Midiamax