Geral

Show de humor ‘Arte de Quinta: Rir é o Melhor Remédio’ será no domingo

A Cia.Teatral Ator Domingos Terras (Adote), em parceria com a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, realiza neste domingo (2 de setembro), às 19h30, no Teatro Aracy Balabanian do Centro Cultural José Octávio Guizzo, mais uma apresentação de “Arte de Quinta: Rir é o Melhor Remédio”. A peça tem duração aproximada de 90 […]

Arquivo Publicado em 29/08/2012, às 13h37

None

A Cia.Teatral Ator Domingos Terras (Adote), em parceria com a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, realiza neste domingo (2 de setembro), às 19h30, no Teatro Aracy Balabanian do Centro Cultural José Octávio Guizzo, mais uma apresentação de “Arte de Quinta: Rir é o Melhor Remédio”. A peça tem duração aproximada de 90 minutos e classificação de 14 anos.


“Arte de Quinta: Rir é o Melhor Remédio” é um show de humor com uma proposta de interpretação ao estilo “Terça Insana”, que consiste em um ou mais humoristas em frente ao público, relatando situações cotidianas com a intenção de fazer rir. Abordam assuntos como problemas políticos, sociais, relacionamento humano, sexo e acontecimentos do dia-a-dia.


Serão apresentadas em torno de 15 esquetes (pequenas sequências cômicas, normalmente apresentadas juntas com outras esquetes, sem necessariamente possuirem ligações entre si). O grupo satiriza o cotidiano, a mídia e paródias de filmes, novelas e até divas do pop.


O espetáculo é realizado há cinco anos e já se apresentou fora do Estado, ganhando o prêmio de melhor espetáculo pelo júri popular por dois anos (2007 e 2011) no Festival Pedritense de Teatro realizado na cidade de Dom Pedrito (RS).


Ingressos antecipados podem ser adquiridos na Ótica da Barão, localizada na rua Barão do Rio Branco, 1621, ao preço único de R$ 10,00 por sessão. No dia da apresentação os valores serão de R$ 25,00 (inteira) e R$ 12,50 (meia), com a opção de R$ 10,00 e 1 kg de alimento não perecível ou 1 agasalho. A meia-entrada é valida para estudantes, professores, doadores de sangue, e idosos (acima de 60 anos), com a apresentação de seu respectivo comprovante.


Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3317-1795 ou no Centro Cultural José Octávio Guizzo, que fica localizado na Rua 26 de Agosto, 453, entre as ruas Calógeras e a 14 de Julho.

Jornal Midiamax