Geral

Seca deixa 21 municípios do RS em situação de emergência

A escassez de chuvas no Rio Grande do Sul levou 21 municípios a decretar situação de emergência. Outros 41 municípios já decretaram estado de alerta. Entre as cidades em situação de emergência, as mais atingidas são: Cruzeiro do Sul, Fontoura Xavier, Fortaleza dos Valos, Crissiumal, Passo do Sobrado, Santa Cruz do Sul, Frederico Westphalen. Segundo […]

Arquivo Publicado em 01/01/2012, às 17h33

None

A escassez de chuvas no Rio Grande do Sul levou 21 municípios a decretar situação de emergência. Outros 41 municípios já decretaram estado de alerta. Entre as cidades em situação de emergência, as mais atingidas são: Cruzeiro do Sul, Fontoura Xavier, Fortaleza dos Valos, Crissiumal, Passo do Sobrado, Santa Cruz do Sul, Frederico Westphalen.

Segundo a Defesa Civil, não chove há semanas e o nível de água dos rios está abaixo do normal. Em algumas cidades, não chove a mais de um mês e nas últimas três semanas, o abastecimento de água vem sendo racionado. Os municípios de Santa Maria, Trindade do Sul, Jóia, São José das Missões, São José do Herval, Pontão, Cristal do Sul, São Valentim do Sul, Novo Tiradentes, Herveiras, Progresso, Arroio do Tigre, Arroio do Meio, Pinhal Grande, Ibirubá, São Paulo das Missões, Tapera, Rondinha, Lagoa dos Três Cantos e Serafina Corrêa já enviaram o Nopred (Notificação Preliminar de Desastre), um documento que informa à Defesa Civil os principais danos registrados.

A energia elétrica foi reestabelecida em três cidades do litoral norte do Rio Grande do Sul na madrugada deste domingo (1). De acordo com a Defesa Civil, os municípios de Tramandaí, Capão da Canoa e Cidreira foram afetados por um blecaute causado por uma forte ventania na tarde de sábado (31), por volta das 16h. Em Cidreira, o fenômeno destelhou mais de trinta casas. Segundo a Defesa Civil, os telhados das casas já foram consertados e a situação está sob controle.

Jornal Midiamax