Geral

Reunião do governador com servidores prejudica Giroto, revela DATAmax

Mais da metade dos campo-grandenses entrevistados pelo DATAmax, entre os dias 24 e 27 de agosto, acreditam que a atitude do governador André Puccinelli (PMDB) de coagir servidores comissionados pode prejudicar a campanha do candidato governista, deputado federal Edson Giroto (PMDB). A questão apresentada aos entrevistados sobre o impacto na campanha de Giroto era a […]

Arquivo Publicado em 03/09/2012, às 12h50

None
499927223.jpg

Mais da metade dos campo-grandenses entrevistados pelo DATAmax, entre os dias 24 e 27 de agosto, acreditam que a atitude do governador André Puccinelli (PMDB) de coagir servidores comissionados pode prejudicar a campanha do candidato governista, deputado federal Edson Giroto (PMDB).


A questão apresentada aos entrevistados sobre o impacto na campanha de Giroto era a seguinte: Em sua avaliação, uma situação destas, divulgada na imprensa pode atrapalhar a campanha do candidato Giroto que é apoiado pelo governador André Puccinelli?


Não souberam responder pontuou 17,1%; os que não acreditam que atrapalhe teve percentual de 29,2% e mais da metade dos campo-grandenses entrevistados, 53,8% acreditam que a conduta do chefe do Executivo vai prejudicar a campanha de Giroto.


O DATAmax ouviu 480 pessoas de 24 a 27 de agosto. A margem de erro da pesquisa é de 4,5% e o grau de confiança é de 95%. A pesquisa foi registrada dia 23, no Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do SUL (TRE-MS) com o número MS-00118/2012.


Jornal Midiamax