Geral

Reprodução de ovinos de corte é detalhada em livro da Embrapa

Após um ano entre redação, revisão, editoração e diagramação, chega ao mercado técnico-científico o livro “Reprodução assistida e manejo de ovinos de corte”, de autoria dos cientistas Carmen Iara Mazzoni Gonzalez e José Alexandre Agiova da Costa e editado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento....

Arquivo Publicado em 12/12/2012, às 19h10

None
815900020.JPG

Após um ano entre redação, revisão, editoração e diagramação, chega ao mercado técnico-científico o livro “Reprodução assistida e manejo de ovinos de corte”, de autoria dos cientistas Carmen Iara Mazzoni Gonzalez e José Alexandre Agiova da Costa e editado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.



A ovinocultura é uma fatia do setor agropecuário em expansão e independente do foco – genética ou abate – é uma alternativa para o produtor com rendimentos que valem o investimento. A publicação lançada pela Embrapa vem ao encontro desse crescimento e agrega informações para quem deseja investir.



Em 160 páginas, divididas em 13 capítulos, Alexandre Agiova e Carmen Gonzalez dispõem para professores, técnicos, especialistas e interessados em atuar na área, conteúdo inédito, reunindo técnicas consolidadas, testadas a campo e patenteadas para reprodução de ovinos de corte, com um olhar na região Centro-Oeste e nas peculiaridades do animal produzido na mesma.



“Não é simplesmente mais um livro sobre o tema. É uma publicação voltada para ovelhas e carneiros doadores de embrião/sêmen com protocolos específicos envolvendo todas as fases do animal”, ressalta a médica-veterinária e doutora Carmen Gonzalez. As técnicas estão formatadas na obra, segundo ela, entretanto, frisa ser “necessário um profissional especializado para colocá-las em prática. É um livro didático, mas é indispensável um acompanhamento”.



Engenheiro agrônomo, doutor em Zootecnia, José Alexandre Agiova observa que como as ferramentas apresentadas são de custo, relativamente, alto, são voltadas para “um produtor mais tecnificado, que visa a venda de animais geneticamente melhorados”. Para isso, abordou-se, conforme o pesquisador da Embrapa, não somente a fase reprodutiva, mas manejo, nutrição e sanidade.



Os capítulos passam pelos índices de produtividade do rebanho, princípios de manipulação farmacológica do ciclo estral, inseminação artificial, congelação de sêmen, nutrição de doadoras e receptoras e chegam ao manejo das receptoras inovuladas e diagnóstico de gestação por ultrassonografia via transretal.



Origem – A viabilidade dessa proposta dos pesquisadores é resultado de um projeto de pesquisa, liderado por Agiova, financiado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), denominado “Transferência de tecnologia e conhecimentos para o desenvolvimento do Arranjo Produtivo Local da Ovinocultura na Região Central do Estado de Mato Grosso do Sul”. José Alexandre é pesquisador da Embrapa Caprinos e Ovinos (Sobral-CE) em Sistemas Integrados de Produção e atua no Núcleo Regional Centro-Oeste, localizado na Fazenda Modelo da Embrapa Gado de Corte, em Campo Grande-MS.



O projeto tem entre seus objetivos, melhorar a qualidade do produto, por meio da capacitação de técnicos e ovinocultores em tecnologias aplicáveis às condições produtivas do centro-oeste e “Reprodução assistida e manejo de ovinos de corte” integra essa linha.



Os interessados em adquirir a obra devem enviar e-mail para [email protected] e boa leitura!


Jornal Midiamax