Geral

Quadrilha de roubou quatro ônibus em rodovia pode ser do Paraná

A polícia suspeita que a quadrilha de assaltantes das 170 pessoas em comboio de quatro ônibus pode ter elementos do Mato Grosso do Sul e do Paraná onde este tipo de crime ocorre com maior frequência por conta da proximidade do PR com a fronteira seca com a paraguaia Ciudad Del Leste (PY). Segundo o […]

Arquivo Publicado em 31/07/2012, às 14h01

None

A polícia suspeita que a quadrilha de assaltantes das 170 pessoas em comboio de quatro ônibus pode ter elementos do Mato Grosso do Sul e do Paraná onde este tipo de crime ocorre com maior frequência por conta da proximidade do PR com a fronteira seca com a paraguaia Ciudad Del Leste (PY).


Segundo o delegado de Bataguassu (MS), José Carlos Amussa, algumas das vítimas contaram que os homens tinham sotaque paranaense. Apesar disto, a polícia não descarta a possibilidade de que criminosos do Estado estejam envolvidos.


Os ônibus que saíram da Capital e Dourados passaram, ainda em Nova Andradina e região. Lotado, seguiu viagem para uma viagem de compras em São Paulo, mas foi interceptado pelos quadrilheiros disfarçados de policiais.


As vítimas foram rendidas pela quadrilha no quilômetro 72 da rodovia BR-267, trecho entre o distrito de Casa Verde e Nova Andradina. O grupo estava fortemente armado com fuzis e metralhadoras.


Durante abordagem, o grupo disse que checava denúncia de que havia droga nos ônibus e passaram à revista. As vítimas foram levadas para um matagal e obrigadas a tirarem as roupas e entregar tudo, inclusive o dinheiro, depois foram presos nos bagageiros dos ônibus.

Jornal Midiamax