Geral

PTN se reorganiza na Capital e no interior para disputar eleições e deixar de ser nanico

Com o objetivo de disputar as eleições municipais deste ano, o PTN se reorganiza em Campo Grande e no interior do Estado, fortalecendo os seus diretórios para lançar o maior número possível de candidatos a vereador e a prefeitos em Mato Grosso do Sul. Para atingir suas metas de crescimento, o partido renovou a diretoria […]

Arquivo Publicado em 08/03/2012, às 16h14

None

Com o objetivo de disputar as eleições municipais deste ano, o PTN se reorganiza em Campo Grande e no interior do Estado, fortalecendo os seus diretórios para lançar o maior número possível de candidatos a vereador e a prefeitos em Mato Grosso do Sul.


Para atingir suas metas de crescimento, o partido renovou a diretoria da executiva regional. A missão é tornar o PTN um partido competitivo deixando de ser uma legenda inexpressiva, e assim como outros pequenos partidos, deixar de ser conhecido como ‘negociável’.


Nesse contexto, respaldado pela direção nacional da legenda, o empresário Claudio Sertão assumiu a presidência do diretório regional do PTN em setembro de 2011 e, desde então, tem trabalhado a fim de dar condições aos seus filiados e pré-candidatos para apresentar propostas diferenciadas à população sul-mato-grossense.


Claudio Sertão visitou cidades das regiões norte, leste e conesul do Estado, onde recebeu a garantia de que pelo menos candidatos a vereadores serão lançados pela sigla nesses municípios. A hipótese de lançar candidaturas próprias para prefeito não foi descartada por Sertão.


“Nosso primeiro passo é fortalecer a militância e valorizar as pessoas, para tanto estamos capacitando nossos pré-candidatos. A equipe de comunicação do PTN, juntamente com outros profissionais, está ministrando cursos de mídia training, postura e oratória para prepará-los rumo à eleição”, enfatizou Claudio Sertão.

Jornal Midiamax