Geral

Prefeitura notifica imóveis vazios em ação contra a dengue em Dourados

A campanha de combate à dengue vem sendo executada através de várias ações em Dourados. Uma delas é a notificação dos proprietários de imóveis que se encontram vazios e abandonados, onde o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, se prolifera devido à sujeira e água parada. Em 2011 foram emitidas 2.599 notificações aos proprietários e […]

Arquivo Publicado em 26/01/2012, às 17h46

None

A campanha de combate à dengue vem sendo executada através de várias ações em Dourados. Uma delas é a notificação dos proprietários de imóveis que se encontram vazios e abandonados, onde o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, se prolifera devido à sujeira e água parada.


Em 2011 foram emitidas 2.599 notificações aos proprietários e imobiliárias para que providenciassem a limpeza desses locais, considerados risco à saúde pública.


Neste ano os fiscais do CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) já emitiram cerca de 40 notificações aos imóveis vazios. “Como os agentes do CCZ não podem entrar nestes imóveis sem a permissão do proprietário ou responsável, a única maneira é notificá-los”, disse a coordenadora do CCZ Rosana Alexandre da Silva.


Segundo ela, caso os responsáveis não tomem providências, podem pagar multa que varia de R$ 500 a R$ 900 por imóvel, baseada na Lei da Dengue. Medida semelhante é adotada em relação aos terrenos baldios que oferecem riscos. Conforme balanço do CCZ, em 2011 foram feitas 2.344 notificações de lotes. Neste ano já foram 112 notificações.


No total, foram aplicadas durante todo o ano passado 1.532 multas, sendo 95% a proprietários de terrenos baldios.


Mutirões

Outra frente de combate à dengue são os mutirões realizados nos bairros. O trabalho recomeçou neste mês em diversas regiões da cidade, além dos distritos. Na semana passada, por exemplo, foi realizado um mutirão na região do Jardim Maracanã. Participaram 60 agente de endemias e agentes comunitários, com o apoio da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, que disponibilizou dois caminhões para coleta de lixo e homens para ajudar na limpeza. Foram visitados 1.841 imóveis, onde foram encontrados e eliminados 17 focos de mosquito da dengue e também notificados 18 terrenos baldios.


O mesmo trabalho será feito nesta sexta-feira (27) no Jardim Itália. A ação começa por volta das 7h da manhã e segue até o final da tarde. Também serão feitas visitas domiciliares, eliminação de focos e vistoria de imóveis e terrenos baldios.

Jornal Midiamax