Geral

Prefeitura de Douradosa presta assistência a vitimas de vendaval

A prefeitura de Dourados, através da Defesa Civil e demais secretarias municipais, foi imediatamente acionada na tarde sábado, para assistir as famílias prejudicadas com o vendaval que atingiu a região leste da cidade. A ordem foi do prefeito Murilo, que chegou a acompanhar parte do trabalho realizado pelas equipes. No momento do emporal, o prefeito […]

Arquivo Publicado em 05/03/2012, às 01h10

None

A prefeitura de Dourados, através da Defesa Civil e demais secretarias municipais, foi imediatamente acionada na tarde sábado, para assistir as famílias prejudicadas com o vendaval que atingiu a região leste da cidade.


A ordem foi do prefeito Murilo, que chegou a acompanhar parte do trabalho realizado pelas equipes. No momento do emporal, o prefeito estava em uma ação social realizada pela prefeitura, no Parque das Nações II Plano, que também sofreu com a ventania.


O coordenador da Defesa Civil, João Vicente Chencarek, disse que que foram 30 chamadas de ocorrências durante a tarde sábado. Segundo ele, não houve caso de pessoas feridas, mas vários danos materiais foram registrados.


Pelo menos dez bairros estavam na linha de direção do vendaval, entre eles, Canaã II e IV, Jardim Leste, Parque das Nações II e Caimã. Neste locais houve destelhamento em diversas residências, queda de árvores e telhas quebradas também por conta do granizo.


O prefeito Murilo de imediato, determinou também a remoção da lama que interditou um dos túneis entre o Parque I e o II, sob a BR-163. Máquinas e equipamentos da prefeitura foram para local e desobstruiram a passagem logo depois da chuva.


Outras equipes foram deslocadas para os pontos onde houve queda de árvores para a remoção de galhos, Esse trabalho de rescaldo prosseguiu até a tarde de domingo, com a retirada de uma árvore que ficou, literalmente, dentro de uma casa, no Canaã II.


De acordo com estimativa da Defesa Civil, o vento teria chegado a aproximadamente 80 quilômetros por hora, com volume de chuva de 25 milímetros. O temporal começou por volta de 15h30 e durou cerca de 20 minutos, o suficiente para fazer todo o estrago.


A prefeitura mantém equipes de plantão e de acordo com o prefeito, pessoas que foram prejudicadas podem procurar os Cras (Centro de Referência em Assitência Social) em suas regiões, que a situação será avaliada caso a caso.   

Jornal Midiamax