Geral

Prefeitura de Dourados conclui primeira etapa da Via Parque no Clímax

Obra faz parte do pacote de aniversário lançado pelo prefeito Murilo em dezembro

Arquivo Publicado em 06/01/2012, às 00h32

None
1527050369.jpg

Obra faz parte do pacote de aniversário lançado pelo prefeito Murilo em dezembro

Considerada como uma das mais importantes opções de acesso entre bairros de Dourados, a Via Parque terá sua primeira etapa concluída em poucos dias. A avenida vai interligar as regiões do Parque do Lago, Vila Cachoeirinha e Jardim Clímax, proporcionando mais facilidade no trânsito entre o oeste e o sul da cidade.

A empresa responsável pela primeira etapa, que inclui a rotatória, já está trabalhando no calçamento da passarela, prevendo a conclusão nos próximos dias. Outra etapa da obra já está em fase de pavimentação e a terceira na execução da drenagem.

A construção da Via Parque faz parte do pacote de R$ 140 milhões lançado pelo prefeito Murilo Zauith em dezembro, como parte das comemorações dos 76 anos de Dourados.

Para a concretização desse projeto, a prefeitura teve que fazer a remoção de mais de 30 famílias que residiam em uma favela próxima ao Parque Antenor Martins, no Jardim Clímax, às margens do Córrego Água boa.

Elas foram transferidas para o Residencial Martin Cristaldo, na região do Jardim Novo Horizonte, construído especificamente para assentar moradores de áreas ambientais e de risco.

Em outros trechos na extensão da via, o município negociou com proprietários de imóveis e fez a desapropriação, o que permitiu a abertura da via e a consequente ligação entre as regiões citadas.

Com conclusão de todo o projeto, a Via Parque vai do início da Avenida Marcelino Pires, ao lado do Parque Antenor Martins, até a Cohab II, se unindo à via já existente que passa nos fundos na Vila Cachoeirinha até chegar ao BNH 4º Plano.

No Jardim Clímax, onde seria construída sede de campo do extinto CAD (Clube Atlético Douradense), foi implantada uma rotatória que dará acesso também à região do Parque do Lago e Novo Horizonte e fará interligação com a Rua Cuiabá.

Para o prefeito Murilo, todo aquele trecho será totalmente modificado, já que nessa mesma área do antigo CAD está em andamento um projeto do PAC (Plano de Aceleração do Crescimento) para construção de novas unidades residenciais para famílias que ainda ocupam áreas de risco.

Ainda no mesmo terreno foi iniciada nesta semana a construção de um Ceim (Centro de Educação Infantil), que vai atender moradores daquela região e do novo conjunto de moradias.

Jornal Midiamax