Geral

PRE recupera em Amambai caminhão roubado em Campo Grande

A Polícia Militar Rodoviária Estadual (PRE) com apoio de uma equipe da “P2”, o serviço de inteligência da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, recuperou na madrugada dessa terça-feira (28) em Amambai, um caminhão tomado em assalto na noite dessa segunda-feira (27) na capital do Estado, Campo Grande. O caminhão, um Mercedes Benz 912, […]

Arquivo Publicado em 28/08/2012, às 13h26

None
1542391097.JPG

A Polícia Militar Rodoviária Estadual (PRE) com apoio de uma equipe da “P2”, o serviço de inteligência da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, recuperou na madrugada dessa terça-feira (28) em Amambai, um caminhão tomado em assalto na noite dessa segunda-feira (27) na capital do Estado, Campo Grande.


O caminhão, um Mercedes Benz 912, baú, cor vermelha, placas AAG 0769 de Campo Grande-MS, foi recuperado durante barreira montada pela PRE na Rodovia MS-156, trecho que liga Caarapó a Amambai, nas proximidades da cidade, em Amambai.


De acordo com a polícia, informações da Defurv (Delegacia Especializada de Furto e Roubo de Veículos) davam conta que o caminhão tomado em assalto hora antes em Campo Grande estaria sendo trazido para a região de fronteira com o Paraguai e passaria por Amambai.


Diante da situação, houve uma mobilização policial na região e o caminhão acabou interceptado pela PRE.


Segundo a polícia, no ato da abordagem o veículo de carga, que tinha baú adaptado para o transporte de mudança, era conduzido por Dornelis da Silva Lopes, de 43 anos, morador em Campo Grande.


Ao ser preso, Dornelis, que disse trabalhar como mototaxista na capital do Estado, teria relatado que não sabia que o caminhão era roubado. Ele afirmou que receberia R$ 200 reais em dinheiro para trazer o caminhão de Campo Grande e entregar para um suposto dono no município de Coronel Sapucaia, na fronteira com o Paraguai.


O motorista e o caminhão recuperado foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Amambai. De acordo com o delegado titular local, Dr. Claudineis Galinari, Dornelis foi autuado em flagrante pelo crime de receptação e o procedimento seria encaminhado para a Defurv, em Campo Grande, que também atua no caso.


Segundo as informações, durante o roubo, na noite dessa segunda na Capital, os marginais teriam mantido a família do dono do caminhão como refém e a polícia teria chegado a trocar tiros com parte do bando para libertar os familiares da vítima. A polícia ainda trabalha no caso.

Jornal Midiamax