Geral

Pré-candidato a prefeito da Capital, Athayde defende renovação na política

O vereador Athayde Nery (PPS), pré-candidato a prefeito de Campo Grande, defendeu terça-feira (07), em discurso na Câmara Municipal, a renovação na política campo-grandense. Para o vereador, sua pré-candidatura representa uma ruptura e abre caminho para que outras pessoas possam exercer mandatos em cargos eletivos. “Eu estou abrindo mão do meu mandato, de disputar a […]

Arquivo Publicado em 07/03/2012, às 11h05

None

O vereador Athayde Nery (PPS), pré-candidato a prefeito de Campo Grande, defendeu terça-feira (07), em discurso na Câmara Municipal, a renovação na política campo-grandense.


Para o vereador, sua pré-candidatura representa uma ruptura e abre caminho para que outras pessoas possam exercer mandatos em cargos eletivos. “Eu estou abrindo mão do meu mandato, de disputar a reeleição, para que outras pessoas possam ocupar esse espaço”, disse o parlamentar.


Athayde Nery, que já exerceu o cargo de vereador por dez anos, utilizou como exemplo de renovação a sua trajetória política. “Como vou pregar a renovação se eu não der exemplo?”, questionou.


Athayde, no entanto, não explicou os motivos pelos quais defende a renovação na administração da Capital. Ele simplesmente pediu renovação. Se vencer a eleição, o PMDB vai atingir hegemonia de 20 anos na administração da Prefeitura de Campo Grande. Hoje, o PPS, inclusive, faz parte da administração municipal. Recentemente, Athayde desferiu duras críticas à gestão de Nelsinho Trad. Ele acabou sendo retaliado e o prefeito até ameaçou demitir os secretários do PPS.


Durante discurso, o vereador voltou a comentar sobre sua pré-candidatura a prefeito. “É irreversível, já conversamos com nossos filiados, líderes de bairro, indígenas, sindicalistas e o PPS vai abrir espaço para todos os segmentos”, garantiu.

Jornal Midiamax