Geral

Portuguesa recebe o Náutico para encerrar seca de vitórias no Brasileiro

Sem saber o que é vencer desde a sexta rodada do Campeonato Brasileiro, a Portuguesa tentará mais uma vez encerrar o seu incômodo jejum neste domingo. Pressionado por seu torcedor, o time voltará ao Canindé para medir forças com o Náutico, às 18h30 (de Brasíla), e conseguir os pontos necessários para se distanciar da perigosa […]

Arquivo Publicado em 29/07/2012, às 13h52

None

Sem saber o que é vencer desde a sexta rodada do Campeonato Brasileiro, a Portuguesa tentará mais uma vez encerrar o seu incômodo jejum neste domingo. Pressionado por seu torcedor, o time voltará ao Canindé para medir forças com o Náutico, às 18h30 (de Brasíla), e conseguir os pontos necessários para se distanciar da perigosa zona do rebaixamento.


Os seis jogos sem vitória na competição foram suficientes para jogar a equipe para o fundo da tabela de classificação. Na última rodada, a Lusa melhorou o seu desempenho dentro de campo e empatou sem gols com o Flamengo, no Engenhão. Entretanto, o ponto obtido com a igualdade não ajudou os comandados de Geninho no campeonato e manteve a equipe na zona de rebaixamento, com dez conquistados até o momento.


“Dos 12 jogos que nós fizemos até aqui, é preciso ver a qualidade dos adversários. Foram os quatro clássicos de São Paulo, os dois times de Minas Gerais e já enfrentamos três times cariocas. Agora vamos enfrentar uma sequência de jogos que vamos ter que vencer, não se pode perder pontos”, avaliou o treinador lusitano.


A partida contra os rubro-negros também serviu para o torcedor perder de vez a paciência com o volante Guilherme. Cobiçado por equipes brasileiras e do exterior, o atleta não entrou em campo na última quinta-feira para não estourar a cota de sete jogos com a camisa lusitana no Brasileiro. O jogador já demonstrou publicamente o seu desejo de se transferir para outro clube nesta temporada e já é carta fora do baralho de Geninho na partida diante do Timbu.


Se Guilherme está fora do próximo compromisso da Portuguesa, o atacante Ananias retorna ao time para resolver os problemas ofensivos do pior ataque do Brasileiro. Vetado por conta de uma faringite desde a derrota para o Cruzeiro, o jogador finalmente recuperou condições de jogo e estará apto para formar dupla de ataque com Héverton.


A única surpresa que Geninho poderá promover em sua equipe se concentra justamente no setor ofensivo. Caso opte pela permanência de Ricardo Jesus, Héverton será o nome sacado para a entrada de Ananias. No mais, a equipe continuará contando com os três zagueiros Gustavo, Valdomiro e Rogério, enquanto o meio-campo permanecerá intacto.


Já o Náutico enfrenta a necessidade de se recuperar na competição após duas rodadas marcadas com derrotas. O time sucumbiu diante do poder ofensivo do Coritiba na última quarta-feira e saiu dos Aflitos derrotado por 4 a 3. Com 13 pontos, a equipe tentará aproveitar o bom desempenho de seus atacantes para surpreender a Lusa e evitar uma nova aproximação da zona do rebaixamento.


A boa notícia para o técnico Alexandre Gallo é a evolução do volante Martinez nos tratamentos médicos. O jogador está praticamente recuperado da lesão que o tirou das últimas duas rodadas e deve aparecer entre os titulares. Em contrapartida, o zagueiro Jean Rolt sofreu uma entorse durante a última semana e desfalcará a equipe em São Paulo, assim como o lateral direito Alessandro, que recebeu o cartão vermelho contra o Coxa e precisará cumprir suspensão.


“Fico feliz com essa minha volta, porque o professor acredita no trabalho. Por outro lado, existe a necessidade de vencer os próximos jogos e esquecer o que passou. Sobre as derrotas terem acontecido justamente quando eu não participei foi pura coincidência. Todo mundo deu o melhor e vimos isso nas duas partidas. Agora é pensar em vencer os próximos jogos”, concluiu Martinez.


FICHA TÉCNICA
PORTUGUESA X NÁUTICO


Local: Estádio Canindé, em São Paulo (SP)
Data: 29 de julho de 2012 (domingo)
Horário: 18h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moisés e Rodrigo Pereira Joia (ambos do RJ)


PORTUGUESA: Dida; Gustavo, Valdomiro e Rogério; Luis Ricardo, Ferdinando, Léo Silva, Moisés e Marcelo Cordeiro; Héverton e Ananias
Técnico: Geninho


NÁUTICO: Felipe; João Paulo, Marlon, Ronaldo Alves e Lúcio; Elicarlos, Ramirez, Souza e Rhayner; Kieza e Araújo
Técnico: Alexandre Gallo

Jornal Midiamax