Geral

Pesquisa que favorece José de Oliveira em Rio Verde pode ser considerada irregular

Uma pesquisa encomendada pela Fiems (Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul) em Rio Verde do Mato Grosso, tem sérios indícios de irregularidade. Isso porque a empresa que fez as entrevistas, a A.F.Barbosa Cia&Ltda, não possui registro da empresa no Conre 3 (Conselho Regional de Estatística 3ª Região). A pesquisa registrada sob […]

Arquivo Publicado em 04/10/2012, às 18h44

None
173139397.jpg

Uma pesquisa encomendada pela Fiems (Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul) em Rio Verde do Mato Grosso, tem sérios indícios de irregularidade. Isso porque a empresa que fez as entrevistas, a A.F.Barbosa Cia&Ltda, não possui registro da empresa no Conre 3 (Conselho Regional de Estatística 3ª Região).

A pesquisa registrada sob o número MS-00302/2012, no dia 28 de setembro, e divulgada nesta quinta-feira (4), em jornal de grande circulação de Campo Grande, aponta que em entrevista estimulada o candidato José de Oliveira estaria com 47,25% das intenções de voto, contra 43,25% para Mario Kruger e 3% para professor Edson.

Entretanto a veracidade da pesquisa pode ser questionada na Justiça. Conforme informou o Conre 3, todas as empresas que prestam serviços a terceiros com base em análises estatísticas (pesquisa de opinião, de mercado, modelagem estatísticas, entre outros) devem, por força da Lei N.6839/1980, possuir um registro válido no seu Conselho Regional de Estatística (CONRE).

Pesquisas Eleitorais estão enquadradas na categoria de Serviços Estatísticos, já que dependem de procedimentos científicos como amostragem e análises estatísticas dos dados coletados para serem validadas. Embora o TSE, em sua Resolução N.23.364/2011, não exija o Registro PJ para publicação de pesquisas eleitorais, empresas sem registro podem ter problemas por estar ilegalmente oferecendo serviços de Estatística.

Clique aqui e confira o parecer jurídico sobre a falta de registro por parte da empresa no Conre3.

Além disso, a empresa A.F. Barbosa Cia&Ltda tem pelo menos outras cinco pesquisas consideradas irregulares por não possuir registro da empresa no Coren 3.

São elas :

pesquisa registrada no dia 06 de setembro, sob o número MS-00161/2012, feita em Bodoquena; pesquisa realizada no dia 03 de setembro, sob o número MS-00146/2012, feita em Rio Brilhante; pesquisa registrada no dia 05 de setembro, sob o número MS-00155/2012, feita em Sete Quedas; pesquisa registrada no dia 27 de agosto, sob o número MS-00131/2012, feita em Corguinho; pesquisa registrada no dia 23 de agosto, sob o número MS-00108/2012, feita em Corumbá.

Jornal Midiamax