Geral

‘Perdemos um ídolo”, dizem amigos no enterro de bicampeão mundial de Muay Thai

O sepultamento de Eduardo Maiorino, 33 anos, aconteceu às 14h desta segunda-feira (24) no Cemitério Parque de Campo Grande. Amigos e familiares estiveram no local para prestar as últimas homenagens ao atleta, que voltou ao Estado neste ano, depois de temporada nos Estados Unidos. Uns dos amigos de Maiorino conta que a amizade começou há […]

Arquivo Publicado em 24/12/2012, às 17h56

None
496398181.jpg

O sepultamento de Eduardo Maiorino, 33 anos, aconteceu às 14h desta segunda-feira (24) no Cemitério Parque de Campo Grande. Amigos e familiares estiveram no local para prestar as últimas homenagens ao atleta, que voltou ao Estado neste ano, depois de temporada nos Estados Unidos.

Uns dos amigos de Maiorino conta que a amizade começou há 20 anos, quando ainda eram jovens. “Ele é um lutador, e acima de tudo um guerreiro. Ninguém foi até onde ele chegou, levando o nome do nosso Estado”, comentou.

Prestando as últimas homenagens ao atleta, a cunhada conta que a morte de Maiorino faz parte de um projeto divino. “Não devemos perguntar o porquê ele se foi, mas o para que. Tudo que acontece tem um propósito”, disse a mulher, citando salmos da bíblia.

O sogro do atleta conta que tinha pouco contato, pois morava em Cuiabá, mas sempre que se reuniam brincavam e conversavam. “Ele deixa uma grande lição, que vale a pena correr atrás dos sonhos”, relembra.

Jornal Midiamax